19 de dezembro de 2015

Ação do MPRN e Polícia Civil determina prisão de oito pessoas por tentativa de fraude em licitação de restaurantes populares do RN.


Uma denúncia a promotores do Patrimônio Público resultou na prisão de oito pessoas, ontem (18), em uma ação do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MORN) e da Polícia Civil durante a realização de uma licitação na Secretaria de Estado do Trabalho, Habitação e Assistência Social (Sethas).

O alvo do trabalho conjunto foi o Pregão 002/15 referente à licitação do Restaurante Popular. As prisões aconteceram em flagrante quando os detidos estavam na Sethas. Após a detenção, eles foram levados à Delegacia Especializada de Crimes Contra a Ordem Tributária (Deicot).
Segundo informações divulgadas pelo MPRN (Veja AQUI), as prisões foram baseadas nos artigos 90 e 96 da Lei 8666 e no artigo 288 do Código Penal.

Só a título de informação, a esposa do governador Robinson Faria (PSD), Juliane Faria, é a titular da pasta investigada.
 
Política Pauferrense

Chuvas no interior vão até dia 26 segundo metereologia

foto Ronaldo Souza

Surpresa no interior. Chove há três dias de forma esparsa em alguns municípios e a previsão é de que elas continuem até o dia 26.No município de Água Nova choveu na noite de ontem(18) 12mm, segundo informações de Francisco Ronaldo Souza.

18 de dezembro de 2015

Susbstituto de Levy pode ser Nelson Barbosa


:

Após Joaquim Levy se despedir em reunião na Pasta, presidente Dilma Rousseff resolveu acelerar a escolha do sucessor e pode anunciar o novo ministro já nesta sexta ou, no máximo, na próxima semana; segundo a colunista Natuza Nery, o ministro Nelson Barbosa, do Planejamento, entrou fortemente nas cotações; no páreo ainda estão Armando Monteiro (Mdic), Marcos Lisboa (Insper) e Otaviano Canuto (FMI); o PMDB do Senado também se manifestou sobre a possibilidade de Romero Jucá entrar na equipe econômica, dizendo que ele se encaixaria mais no Planejamento.

Artistas e intelectuais entregam a Renan manifesto contra impeachment



artistas-intelectuais-renan
Um grupo de artistas e intelectuais entregou nesta quinta-feira (17) ao presidente do Senado, Renan Calheiros, um manifesto contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff e “em favor da democracia”. O manifesto também pede que o Senado seja justo na condução do impeachment, caso o processo chegue à Casa.

revistarn.com

17 de dezembro de 2015

Boletim pluviométrico

http://www.robsonpiresxerife.com/wp-content/uploads/2015/02/chuva2.jpg
A população do interior do Rio Grande do Norte voltou a ver a chuva cair. Nas últimas 24 horas, diversos municípios potiguares registraram precipitações pluviométricas.

Nessa quarta-feira (16), chuvas foram registradas em cidades como Lucrécia e Paraú. No município do Vale do Açú, a informação é de que foram 90mm. O Boletim Pluviométrico da Empresa Brasileira de Agropecuária no estado deu conta de 7,3mm.

O levantamento da Emparn registrou chuva em 13 cidades do Oeste potiguar entre às 07 horas dessa quarta (16) e a manhã desta quinta-feira (17). O maior registro foi em Campo Grande, com 48,mm

Emparn

Táxi em nome de homem acusado de receber propina está na casa de Cunha

Dentro da casa de Eduardo Cunha, na Barra da Tijuca, está estacionado um táxi de Nilópolis placa LSM 1530. O carro, um Touareg modelo 2014, está registrado em nome de Altair Alves Pinto, que, segundo o delator Fernando Falcão Soares, o Fernando Baiano, é homem de confiança de Cunha.
Placa de táxi da propina usa número de campanha de Eduardo Cunha
O táxi de Altair Alves Pinto, apontado pelo delator Fernando Baiano como homem de confiança de Cunha, está na residência do presidente da Câmara
Foto: Paulo Cappelli / Agência O Dia
Num de seus depoimentos, Baiano disse que fizera diversas entregas de dinheiro a Altair. Os valores, segundo ele, eram destinados a Eduardo Cunha. De acordo com o delator, uma das remessas, entre R$ 1 milhão e R$ 1,5 milhão, era referente a propina relacionada à contratação de navio-sonda da Petrobras.
Fabricado na Eslováquia, um Touareg zero quilômetro custa em torno de R$ 230 mil.

Kauê Maia comenta a treta do bloqueio do WhatsApp

  


A notícia do   bloqueio do  wattzapp por 48 horas decidido pela justiça, virou meme nas redes sociais e muita revolta. O usuário Kauê Maia comentou em sua página no facebook sua opinião sobre o assunto:

"Com base na lei ditatorial do marco civil, juíza suspende uatizapio por negar informações.
Após ação estúpida do judiciário, onde o prejudicado é exclusivamente os usuários, brasileiros dão seu jeito usando telegram, ou mudando vpn, usando IP até do Azerbaijão.
Após algumas horas, desembargador decide revogar decisão e apenas aplicar multa, e uatizapio deve voltar normalmente após notificação as operadoras.
Ou seja, após milhões de gastos desnecessários de configurações operacionais em todo Brasil, dos servidores, comerciantes lesados por inutilização de um serviço... Decidem o que  era óbvio de se decidir anteriormente.
É como colocar a fralda limpa depois que o bebê tá todo melado. "
Tsc tsc

Pesquisa liga fumo à menopausa precoce em mulheres

1274993042cigarropulmao
mulheres que são fumantes crônicas ou habituais têm maior chance de entrar mais cedo na menopausa, sugere um novo estudo.
A pesquisa, que envolveu 79 mil mulheres, mostrou que aquelas que fumavam desde os 15 anos entraram na menopausa em média 21 meses mais cedo do que as não-fumantes.
O estudo também identificou uma relação mais fraca entre menopausa precoce e fumo passivo.
Especialistas afirmam que o estudo fortalece as evidências de que toxinas no tabaco podem afetar a saúde reprodutiva em geral.

Mega-sena acumula novamente e pode pagar R$ 187 milhões no próximo sorteio

 Resultado de imagem para mega sena

Ninguém acertou os seis números sorteados hoje (16) pela Mega-Sena, em Tarumirim (MG). As dezenas foram 11 – 26 – 27 – 30 – 34 – 41. O prêmio estava acumulado, já que ninguém acertou os seis números no sorteio do dia 12 de dezembro.
Já que o prêmio foi novamente acumulado, o próximo sorteio deverá pagar aproximadamente R$ 187 milhões a quem acertar os seis números.
A Caixa Econômica Federal (CEF) informou que 110 apostas acertaram cinco números e irão receber R$ 55.796,09, cada. Na quadra, foram 8861 apostas vencedores e terão direito a R$ 989,49

16 de dezembro de 2015

Janot acaba de pedir o afastamento de Cunha

  O presidente da Câmara, Eduardo Cunha, deixa a residência oficial em Brasília, na terça-feira (15), dia em que a Polícia Federal realizou operações de busca e apreensão em suas casas (Foto: Eraldo Peres/AP)
O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, apresentou na tarde desta quarta-feira (16) ao Supremo Tribunal Federal (STF) um pedido de afastamento cautelar de Eduardo Cunha (PMDB-RJ) do cargo de deputado federal e de presidente da Câmara.

G1

Imagens da manifestação em Apoio a Presidenta Dilma e Fora Cunha em Natal


PT-H3PT-H2

Cunha marca para as 17hs o recebimento da notificação do Conselho de Ética


Valter Campanato/Agência Brasil:

A secretária do colegiado tentou entregar o documento no final desta manhã, mas não foi recebida pelo presidente da Câmara, que decidiu formalizar um horário; Caso Eduardo Cunha não receba a notificação, o Conselho ainda pode fazer duas novas tentativas e, se nenhuma for considerada recebida, a mensagem será publicada no Diário Oficial da Câmara; a partir do recebimento, passa a ser contado o prazo de dez dias úteis para o peemedebista apresentar sua defesa.

Natal e mais 21 cidades fazem manifestação em defesa de Dilma


Movimentos sociais e partidos políticos ligados às frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo promovem nesta quarta-feira (16), em 22 cidades, uma série de atos contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff. Além disso, os manifestantes vão pedir o afastamento do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), alvo da Operação Lava Jato e de um processo no Conselho de Ética da Casa, além de mudanças na política econômica do governo federal. Natal será uma das capitais com manifestações a favor da presidente;
Arquivo TNLideranças do PT no RN convocam população para manifestação a favor de DilmaLideranças do PT no RN convocam população para manifestação a favor de Dilma

Na capital potiguar, a mobilização está marcada para as 15h, em frente ao shopping Midway Mall, no cruzamento das avenidas Bernardo Vieira e Salgado Filho/Hermes da Fonseca. Através das redes sociais, os dois principais nomes do PT no Rio Grande do Norte, o deputado estadual Fernando Mineiro e a senadora Fátima Bezerra, convocaram os correligionários à manifestação, tanto em Natal quanto em Brasília.

" Convidamos todas que lutam contra o patriarcardo e contra o machismo para participarem deste ato em defesa da Democracia, pois a luta pelo empoderamento das mulheres passa também pelo fortalecimento do mandato da primeira mulher eleita e reeleita Presidenta do Brasil", convocou Fátima Bezerra. "O ato se reveste de importância estratégica para os que não aceitam a volta ao passado. Será o momento decisivo de aglutinação dos mais amplos setores da sociedade no Fora Cunha, na defesa da democracia, contra o golpe e por uma nova política econômica", postou Mineiro.

Além da manifestação em Natal, diversas capitais também realizarão a manifestação. O maior evento será em São Paulo, onde a concentração começa às 17h no vão livre do Masp. Os organizadores evitam fazer previsões de público, mas têm como meta bater os 30 mil que foram à Avenida Paulista no domingo pedir o afastamento de Dilma.

"Para os defensores do impeachment, a mobilização não é fundamental, serve só para dar um ar de apoio popular. Para a gente é o contrário", disse Raimundo Bonfim, coordenador da Central de Movimentos Populares (CMP).

Entre os principais grupos engajados na manifestação estão a Central Única dos Trabalhadores (CUT), Movimento dos Sem Terra (MST), Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), Intersindical e partidos políticos como PT, PC do B, PDT, PCR e PCO.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que na semana passada chegou a dizer que estava à disposição para as manifestações em defesa do mandato de Dilma, não deve participar.

Os presidentes nacional e estadual do PT, Rui Falcão e Emidio de Souza, chegaram a sondar os organizadores sobre a presença de Lula, mas diante da possibilidade de que alguns deles fossem contrariados, abandonaram a ideia. Lula chegou a cogitar participar de um ato da Juventude do PT à noite, em Brasília, mas também desistiu.

Resposta

Os atos já estavam programados e ocorrem três dias depois das manifestações que ocorreram a favor do Impeachment, também em todo o Brasil. Em Natal, a manifestação contra a presidente reuniu 2,4 mil pessoas, segundo números divulgados pela Polícia Militar. Na ocasião, não foram registrados incidentes.
 
Tribuna do Norte

Cunha teme prisão de sua mulher e filha


:
Apesar da aparente frieza e calma, o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB), tem revelado o temor a interlocutores mais próximos de que a Justiça determine a prisão de sua mulher, Cláudia Cruz, que tem conta em seu nome na Suíça, e da filha do casal, Danielle Cunha, que aparece como dependente em documentos bancários no exterior, segundo a colunista Mônica Bergamo

Movimentos sociais vão às ruas contra Cunha e golpe

:
Atos anti-impeachment estão sendo realizados nesta quarta-feira em ao menos 23 cidades, incluindo 18 capitais, encabeçados pela Frente Brasil Popular, que reúne dezenas de entidades de movimentos sociais, e conta com o apoio do PT e PC do B; entre os organizadores, CUT (Central Única dos Trabalhadores), CTB (Central dos Trabalhadores do Brasil), MST (Movimento dos Trabalhadores Sem-Terra), MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem Teto) e UNE (União Nacional dos Estudantes) protestam contra “motivações criminosas” de Eduardo Cunha na Câmara e sustentam que não há base jurídica para o impeachment de Dilma Rousseff; intelectuais e parlamentares também vão participar das manifestações "em defesa da democracia" 


brasil247.com

TCE fixa data-limite para aumento de salários de prefeitos e vereadores em ano de eleição

TCE-RN

O Tribunal de Contas do Estado (TCE/RN) fixou, ao responder consulta formulada pela Câmara Municipal de Rio do Fogo, a data-limite para aprovação de aumento de salário para prefeitos, vice-prefeitos, secretários municipais e vereadores em ano de eleição. Parecer do presidente Carlos Thompson Fernandes foi aprovado por unanimidade pelos conselheiros.
Segundo a resposta aprovada pelo Pleno da Corte de Contas, nesta terça-feira (15), o aumento de subsídio, por meio de lei, poderá ocorrer até o dia 03 de julho para prefeitos, vice-prefeitos e secretários municipais e até o dia 03 de agosto em relação aos vereadores. As datas dizem respeito ao ano no qual são realizadas as eleições municipais.
A resposta toma como base o artigo 21 da Lei de Responsabilidade Fiscal, que aponta o prazo de 180 dias anteriores ao fim do mandato como prazo final para “ato de que resulte aumento da despesa de pessoal”. Os mandatos relativos ao Poder Executivo se encerram no dia 31 de dezembro, enquanto que os relativos ao Poder Legislativo se encerram no dia 31 de janeiro.
Outras duas consultas foram respondidas pelo Tribunal de Contas nesta terça-feira, ambas também abordavam a revisão do subsídio para vereadores. A Câmara Municipal de Martins e a Câmara Municipal de Tibau consultaram o TCE/RN acerca da redução de subsídios de vereadores quando os valores adotados extrapolam os limites determinados em lei.
De acordo com a resposta aprovada pelo Pleno da Corte, a readequação de subsídios de vereadores demanda a aprovação de lei e inexiste direito adquirido para a manutenção de um valor que esteja em desacordo com os limites determinados por lei. No caso de uma câmara municipal não tomar a iniciativa de ajustar o valor do subsídio justifica a atuação do próprio Tribunal de Contas ou do Tribunal de Justiça, caso provocados.
Entre os critérios para estabelecer os limites para fixar o salário de vereadores, estão a população do Município, o percentual do subsídio de deputados estaduais, além de que o total dos gastos não pode ultrapassar 5% da receita do Município, entre outros.

15 de dezembro de 2015

A Polícia Federal foi Longe buscar o nome para batizar a Operação Catilinárias

A polícia Federal  foi longe no tempo para  batizar a Operação Catilinárias.  Em  latim  In Catilinam Orationes Quattuor) são uma série de quatro discursos célebres de Cícero, Cônsul romano  Marco Tulio Cícero pronunciados   63 anos a.c. . Mesmo passados dois mil anos, ainda hoje são repetidas as sentenças acusatórias de Cícero contra Catilina, declaradas em pleno senado romano:

Cicero acusando Catilina no senado (Afresco de Cesare Maccari, século XIX)


Acho que foi nesse primeiro discurso que a PF se baseou para batizar  a operação confira:
*****************************************
Até quando, Catilina, abusarás
da nossa paciência?
Por quanto tempo a tua loucura há de zombar de nós?
A que extremos se há de precipitar a tua desenfreada audácia?
Nem a guarda do Palatino,
nem a ronda noturna da cidade,
nem o temor do povo,
nem a afluência de todos os homens de bem,
nem este local tão bem protegido para a reunião do Senado,
nem a expressão do voto destas pessoas, nada disto conseguiu perturbar-te?
Não te dás conta que os teus planos foram descobertos?
Não vês que a tua conspiração a têm já dominada todos estes que a conhecem?
Quem, dentre nós, pensas tu que ignora o que fizeste na noite passada e na precedente, onde estiveste, com quem te encontraste, que decisão tomaste?
Oh tempos, oh costumes!

A casa caiu - Golpe tucano perde Cunha, seu condutor. E agora?


:
O que dirá o senador Aécio Neves (PSDB-MG) diante da queda do aliado Eduardo Cunha (PMDB-RJ)? Qual será a posição de Paulinho da Força (SD-SP), que dizia estar disposto a se manter até o fim ao lado do presidente da Câmara? E Carlos Sampaio (PSDB-SP)? Os três são protagonistas do golpe parlamentar contra a presidente Dilma Rousseff, que pode levar o vice Michel Temer ao poder, e se associaram a Cunha com este fim; a tendência é que todos se afastem do antigo aliado e tentem emplacar um novo nome na presidência da Câmara, para tocar o processo de impeachment; a aposta mais provável é Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE); a única coisa certa é que não há mais impeachment sob a regência de Eduardo Cunha, alvo principal da Operação Catilinária, da PF

PF faz apreensão no apartamento do Ministro do Turismo Henrique Alves em Natal


A PF esteve no apartamento do ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, em Areia Preta, para cumprimento de mandado de busca e apreensão.
A Polícia Federal já esteve no apartamento do ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves (PMDB), no bairro de Areia Preta, na zona Leste de Natal, para cumprir um mandato de busca e apreensão na nova fase da Lava Jato, batizada como Catilinárias.
A operação foi deflagrada na manhã desta terça-feira (15) e está cumprido 53 mandados de busca e apreensão em endereços funcionais de políticos e em órgãos públicos, inclusive na residência do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ).
De acordo com informações preliminares, dois carros descaracterizados da PF estavam em frente ao prédio do ministro. Os policiais saíram apenas com um malote em mãos.
Segundo a assessoria, Henrique Alves está em Brasília.
Até então o ministro tinha sido citado em apenas um dos inquéritos abertos no Supremo Tribunal Federal para investigar o envolvimento de políticos nos desvios da Petrobras, mas se quer foi indiciado. Nesta nova fase da lava jato o nome dele surge novamente como um dos suspeitos.
Os mandados, expedidos pelo ministro Teori Zawascki do Supremo Tribunal Federal, estão sendo cumpridos também no Distrito Federal (9), São Paulo (15), Rio de Janeiro (14), Pará (6), Pernambuco (4), Alagoas (2) e Ceará (2).
Desde as 6h, os agentes da PF cumprem mandados de busca e apreensão na casa do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), em Brasília e no Rio de Janeiro.

Ricardo Júnior/Nominuto
Alterada às 9h32 para acréscimo de informações

Frase do Dia

 

“O que importa não é o que acontece, mas como você reage”.
 
Bruce Lee

Polícia Federal cumpre mandado de busca e apreensão na casa de Cunha

 Untitled-1
Polícia Federal cumpriu na manhã desta terça-feira (15) mandado de busca e apreensão na residência oficial do presidente da Câmara, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), em Brasília. A PF também cumpriu mandados em endereços do peemedebista no Rio de Janeiro. A ação, batizada de Catilinárias, faz parte das investigações da Operação Lava Jato.
Ao menos 12 policiais e três viaturas foram deslocados para a casa de Cunha em Brasília, que fica na Península dos Ministros.
De acordo com a Polícia Federal, foram expedidos 53 mandados de busca e apreensão, referentes a sete processos da Lava Jato. O principal objetivo da PF é evitar que investigados destruam provas.
A PF também informou que, além das residências de investigados, são realizadas em sedes de empresas, escritórios de advocacia e órgãos públicos.
Os mandados foram cumpridos no Distrito Federal (9), em São Paulo (15), Rio de Janeiro (14), Pará (6), Pernambuco (4), Alagoas (2), Ceará (2) e Rio Grande do Norte (1).

G1

14 de dezembro de 2015

MPF investiga irregularidades na construção de creche em Pau dos Ferros


 Pau-dos-Ferros

O Ministério Público Federal (MPF) em Pau dos Ferros vem investigando denúncias de irregularidades na obra da creche Djalma de Freitas, localizada no mesmo município. A creche chegou a ser inaugurada pelo ex-prefeito Leonardo Rego, em 2012, mesmo sem estar concluída e até hoje não recebeu uma única criança.
A obra seria fruto de um convênio celebrado pela Prefeitura com a União, em 2007, no valor de R$ 937.634,05. O objetivo era erguer uma creche modelo. O prazo era até 1º de outubro de 2009, mas não foi cumprido e ocorreram cinco prorrogações, sendo quatro delas não justificadas. As pendências da obra não foram sanadas e o convênio esgotou sua vigência, sem que o prédio tenha sido concluído.
Ainda assim, em 29 de dezembro de 2012, a creche foi formalmente inaugurada pelo ex-prefeito Leonardo Rego, dois dias antes de encerrar seu mandato. A inauguração foi acompanhada pelo então vice-prefeito, Fabrício Torquato, que assumiu a Prefeitura a partir de 2013. Diante das possíveis irregularidades, vereadores ingressaram com uma representação junto à Procuradoria da República em Pau dos Ferros, que deu início às investigações, através do inquérito civil 1.28.300.000044/2013-41.
O procurador da República atualmente responsável pelo inquérito, Marcos de Jesus, designou uma audiência e notificou Fabrício Torquato e Leonardo Rego para apresentarem explicações sobre as supostas irregularidades. O atual prefeito confirmou que a creche “foi inaugurada, mas sem condições de funcionamento”. Segundo ele, quando Leonardo Rego inaugurou a unidade, o próprio Fabrício imaginou que “teria condições de colocar a creche em funcionamento em pouco tempo”.
Já Leonardo Rego não compareceu para dar explicações ao MPF. Na data da audiência, o último dia 7, faltando apenas uma hora para ser ouvido, o ex-prefeito substituiu seus advogados do escritório de Pau dos Ferros por outro com escritório em Natal. O novo representante enviou uma petição por e-mail, apenas quatro minutos antes do horário marcado, requerendo adiamento. Para o procurador da República, a substituição teve o objetivo unicamente de atrasar o andamento do inquérito.

O ex-prefeito ainda solicitou ser ouvido em Natal, em razão de supostamente estar domiciliado em Parnamirim. Porém, na procuração outorgada aos primeiros advogados, o ex-prefeito informava que residia em Pau dos Ferros, cidade onde mantém, inclusive, seu domicílio eleitoral. O inquérito civil agora se encontra em fase de conclusão das investigações e o representante do MPF irá avaliar possíveis providências judiciais a serem adotadas.
Assessoria de Comunicação

Fracasso retumbante de público contra o impeachment da Presidenta Dilma


Na quinta-feira, sob a liderança de FHC, os tucanos fecharam o apoio formal ao golpe; no sábado, o próprio ex-presidente foi ao Facebook e pediu que o povo comparecesse em massa às ruas, mas nem o senador Aécio Neves (PSDB-MG) apareceu; fracasso retumbante de público revela ser pequena a capacidade de mobilização do PDSB e que a maioria imensa da população não quer se associar a um atentado contra a democracia capitaneado por Eduardo Cunha (PMDB-RJ); impasse pode levar os tucanos a buscar nova estratégia; o mais provável é que tentem empurrar a crise até março ou abril, na esperança de que consigam promover o golpe com um script mais palatável para a população

13 de dezembro de 2015

Manchete desse domingo: Folha pede 'Fora, Cunha',



Um dia depois de João Roberto Marinho, editor do jornal O Globo, o empresário Otávio Frias Filho, diretor-resoponsável pela Folha, também publica editorial pedindo a saída imediata de Eduardo Cunha (PMDB-RJ) da presidência da Câmara; texto "Já chega", da Folha, é até mais enfático do que o do Globo; no entanto, Frias expõe um objetivo que Marinho havia mantido oculto; "O personagem que Eduardo Cunha representa, plasmado em desfaçatez e prepotência, está com os dias contados –ele próprio sabe disso. É imperativo abreviar essa farsa, para que o processo do impeachment, seja qual for seu desenlace, transcorra com a necessária limpidez", diz ele; barões da mídia parecem ter concluído que o golpe tucano, conduzido por Cunha, é imoral demais para ser aceito pela sociedade.

paulomoreira-247

Comunicamos que estamos em manutenção

  Estamos melhorando a roupagem do Blog !  Em breve estaremos de volta . Agradecemos   compreensão !