26 de março de 2022

Momento da passsagem da Deputada Natália Bonavides (PT) em Pau dos Ferros

 

militantes e lideranças das cidades de São Miguel, Água Nova, Doutor Severiano e Pau dos Ferros


   A Deputada Natalia Bonavides realizou ontem (25) uma agenda extensa pela região do Alto Oeste; Em Pau dos Ferros, visitou o Hospital Reginal, o IFRN e a UFERSA. Já foram cerca de Um milhão de reais em emendas da parlamentar para essas instituições e a segurança do municipio de Pau dos Ferros.   A noite, teve um rápido encontro com militantes e lideranças dos municipios de Água Nova,  São Miguel e Dr. Severiano.

Àgua Nova já recebeu da deputada uma emenda  no valor de 100mil reais destinada a saúde. No encontro, Natália falou da conjuntura nacional e dos desafios das eleições este ano.

25 de março de 2022

Lula lidera com 43%

 

Restando pouco mais de seis meses para o primeiro turno das eleições, pesquisa Datafolha divulgada nesta quinta-feira aponta que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) segue liderando a disputa pela Presidência com 43% das intenções de voto.

Veja o percentual de intenções de voto dos candidatos

Lula (PT) – 43%

Bolsonaro (PL) – 26%

Sergio Moro (Podemos) – 8%

Ciro Gomes (PDT) – 6%

João Doria (PSDB) – 2%

André Janones (Avante) – 2%

Simone Tebet (MDB) – 1%

Felipe D’Ávila (Novo) – 1%

Vera Lúcia (PSTU) – 1%

Leonardo Péricles (UP) – não chegou a 1%

Brancos ou nulos – 6%

Não souberam responder – 2%

Deputado bolsonarista é cassado no Rio Grande do Sul

 

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul decidiu por aprovar cassação do deputado bolsonarista Ruy Irigaray (União brasil), que respondia por um suposto desvio de função de servidores do gabinete para obras na casa da sogra do parlamentar. No total, foram 45 votos favoráveis, três contrários e sete abstenções.

O parlamentar usou o tempo no plenário para se defender. Ele afirmou que o imóvel não foi utilizado para trabalho durante a pandemia da Covid-19. “Eu, com o dinheiro do meu próprio bolso, utilizei de um imóvel na Zona Sul de Porto Alegre, no qual meus assessores trabalharam lá, de forma parlamentar”, afirmou.

Com a decisão, que foi publicada no Diário Oficial na última quarta (23), o deputado ficará inelegível durante oito anos. Ele foi eleito pelo PSL, hoje fundido ao União Brasil, com 102,1 mil votos com a principal promessa de lutar contra a corrupção. Ele foi o segundo mais votado entre os 55 eleitos em 2018.

24 de março de 2022

Prefeitura de Água Nova promove ação de saúde bucal nas escolas



A Prefeitura Municipal de Água Nova, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, em parceria com a Secretaria de Educação iniciou nesta terça-feira, 22 de março, através do Programa Saúde nas Escolas, ação de Saúde Bucal nas escolas e creches do município.

Na oportunidade, os Odontológos e técnicos de Saúde Bucal, realizaram atividades educativas e lúdicas, orientações quanto à higienização correta da boca e cuidados com os dentes, além de escovação supervisionada e aplicação de flúor.

Desse modo, os cuidados com a saúde bucal como forma de promoção da saúde geral e prevenção de doenças sistêmicas devem ser estimulados desde a primeira infancia.

#SaúdeEmPrimeiroLugar

23 de março de 2022

STJ condena Dallagnol a indenizar Lula por PowerPoint: ‘Extrapolou suas funções, provocando danos à imagem, honra e nome do ex-presidente’

 

A Quarta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu nesta terça-feira (22), por 4 votos a 1, que o ex-procurador Deltan Dallagnol terá de indenizar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva por dano moral.

A indenização foi fixada em R$ 75 mil, adicionados de juros e correção monetária.

Segundo o ministro relator, Luís Felipe Salomão, o valor total da indenização deve superar os R$ 100 mil. Dallagnol pode recorrer da decisão no próprio tribunal.

Votaram a favor da indenização, além de Salomão, os ministros Raul Araújo, Antônio Carlos Ferreira e Marco Buzzi. A ministra Maria Isabel Gallotti divergiu dos colegas.

O caso envolve uma entrevista coletiva concedida pela Lava Jato em 2016 para apresentar a primeira denúncia contra o ex-presidente Lula. O Ministério Público acusou o petista dos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro no caso do tríplex de Guarujá (SP).

Durante a entrevista, Deltan usou uma apresentação de PowerPoint em que o nome de Lula aparecia no centro da tela, cercado por expressões como “petrolão + propinocracia”, “governabilidade corrompida”, “perpetuação criminosa no poder”, “mensalão”, “enriquecimento ilícito”, “José Dirceu”, entre outros.

Na Justiça, a defesa de Lula afirma que o ex-procurador agiu de forma abusiva e ilegal ao apresentar o petista como personagem de esquema de corrupção – o que configuraria um julgamento antecipado.

O processo chegou ao STJ depois de Lula sofrer duas derrotas na Justiça de São Paulo, que rejeiotu o pedido de indenização por considerar que não houve excesso.

O voto dos ministros

A maioria dos ministros seguiu o voto do relator, Luís Felipe Salomão, que reconheceu o dano moral. Segundo o ministro, Deltan extrapolou suas funções, provocando danos à imagem, honra e nome de Lula.

“Essa espetacularização do episódio não é compatível nem com o que foi objeto da denúncia e nem parece compatível com a seriedade que se exige da apuração desses fatos”, afirmou o ministro.

Salomão disse que Deltan “usou expressões desabonadoras da honra e imagem, e a meu ver não técnicas, como aquelas apresentadas na própria denúncia. Se valeu de PowerPoint, que se compunha de diversos círculos, identificados por palavras. As palavras, conforme se observa, se afastavam da nomenclatura típica do direito penal e processual penal.”

22 de março de 2022

Ministro da Educação diz priorizar verbas do MEC indicadas por pastores a pedido de Bolsonaro

 

Milton Ribeiro, ministro da Educação (Foto: ISAC NOBREGA/PR)


247 - O ministro da Educação, o pastor Milton Ribeiro, afirmou que o governo Jair Bolsonaro prioriza, na liberação de verba, prefeituras com pedidos negociados por dois pastores (sem cargo na gestão federal). O titular da pasta disse que é uma determinação de Jair Bolsonaro (PL). As declarações do ministro foram publicadas nesta segunda-feira (21) em reportagem do jornal Folha de S.Paulo.

"Foi um pedido especial que o presidente da República fez para mim sobre a questão do [pastor] Gilmar", afirmou Ribeiro na conversa em que participaram prefeitos e os dois religiosos. "A minha prioridade é atender primeiro os municípios que mais precisam e, em segundo, atender a todos os que são amigos do pastor Gilmar", acrescentou. 

Os pastores Gilmar Santos e Arilton Moura têm, ao menos desde janeiro de 2021, negociado com prefeituras a liberação de recursos federais para obras de creches, quadras, escolas ou para compra de equipamentos de tecnologia.

21 de março de 2022

21 de Março: Dia da Síndrome de Down

 

Mas, você sabe o que é Síndrome de Down???

A síndrome de Down (SD) ou trissomia do cromossomo 21, é uma alteração genética ( não é doença) produzida pela presença de um cromossomo a mais, o par 21. Isso quer dizer que as pessoas com síndrome de Down têm 47 cromossomos em suas células em vez de 46, como a maior parte da população.

A primeira descrição clínica dos sinais característicos da pessoa com SD ocorreu em 1866. O termo “síndrome” significa um conjunto de sinais e sintomas observáveis e “Down” designa o sobrenome do médico pediatra inglês John Langdon Down, que realizou a primeira descrição da SD.

É preciso não apenas hoje (21), mas, todos os dias  intensificar a luta para que os direitos das pessoas com Sindrome de Down, bem como, outras deficiencias, tenham seus direitos efetivados.


20 de março de 2022

Rogério chora por Bolsonaro e esquece quem ele deixou chorando de fome

 

O registro é de Bela Megalle. A jornalista conta que em um jantar com empresários, na última quinta-feira, em São Paulo, o potiguar Rogério Marinho, ainda ministro do Desenvolvimento Regional, chorou ao falar sobre o patrão, o presidente Jair Bolsonaro (PL).

Não verteu lágrimas, mas chorou por dentro. Embargou a voz, pigarreou, engoliu palavras. Emocionou-se. Fez uso de adjetivos para adular o presidente. Minimizou a sanha criminosa de Bolsonaro, classificando-a de “rudeza”. A falta de modos, à mesa, no trato com as pessoas e no lidar com os diferentes, chamou de “falta de finesse”.

Ao ministro, é preciso explicar algumas coisas: metralhar adversários, exterminar indígenas, estuprar mulheres, ameaçar ministros, convocar atos democráticos, boicotar vacinação, nada disso é ser rude. É ser criminoso. E tudo isso foi dito e defendido pelo homem que o emociona.

Rogério sempre foi fiel ao bolsonarismo, a ponto de ir a uma Bahia devastada pelas chuvas e tentar defender o presidente que, ignorando o sofrimento dos baianos, fazia farras com dinheiro público.

Insensato, Rogério finge que as pessoas não sabem que Bolsonaro ameaça tudo e a todos, todos os dias.

Dissimulado, fala da corrupção dos outros, mas quer ignorar o caso Covaxin, as rachadinhas de Flávio Bolsonaro, o tratoraço (que aliás, é o ministro quem conduz), os cheques de Michelle, as interferências de Bolsonaro na Polícia Federal sempre que uma investigação bate à sua porta.

Pelos votos do bolsonarismo, Rogério até chora, mas é cada vez mais indiferente a quem ele deixou chorando de fome.

Sim, Rogério, os brasileiros não esquecem todas as falcatruas, extremos e canalhices do governo Bolsonaro, mas também não esquecem que foram jogados na miséria por você, que relatou a Reforma Trabalhista, acabando com direitos dos trabalhadores, precarizando as relações de trabalho e principalmente fazendo minguar os já escassos postos de emprego. Sua emoção é uma cuspida no prato de quem não tem o que comer.

 Fonte : nabocadanoite

Comunicamos que estamos em manutenção

  Estamos melhorando a roupagem do Blog !  Em breve estaremos de volta . Agradecemos   compreensão !