17 de setembro de 2021

Prefeitura de Água Nova instala poço com capacidade de 3 mil litros de água no estádio de futebol

 





A Prefeitura Municipal de Água Nova, através das Secretarias Municipal de Obras, Infraestrutura meio Ambiente e esporte, iniciou na tarde desta quinta-feira 16, com recursos próprios , a  instalação de um  poço com 3 mil litros de Água, que irá abastecer o Estádio de Futebol e o Cemitério Público.

O prefeito Ronaldo Souza, acompanhou de perto os trabalho.


16 de setembro de 2021

Haddad lidera pesquisa para governo de SP com 20,7% das intenções de voto

 

Pesquisa do Instituto Badra realizada na semana passada coloca o petista Fernando Haddad em primeiro lugar na corrida pelo Palácio dos Bandeirantes, com 20,7%. O ex-governador Márcio França (PSB) está em segundo, com 17,6% das intenções de voto. Guilherme Boulos (PSOL) vem a seguir com 10%, enquanto Geraldo Alckmin aparece com 9,8%. Rodrigo Garcia (PSDB), que deve assumir o cargo no ano que vem e disputar a reeleição, tem 1,3% 

.A informação é do 247 e Painel da Folha de S.Paulo. 

15 de setembro de 2021

Senado e Supremo impõem duras derrotas a Bolsonaro e enterram MP das fake news

 

Jair Bolsonaro sofreu dupla derrota nesta terça-feira (14). O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), e a ministra do STF (Supremo Tribunal Federal) Rosa Weber barraram a Medida Provisória editada por ele, que limita a retirada de conteúdos publicados nas redes sociais ao alterar o Marco Civil da Internet.Pacheco decidiu devolver a MP ao governo enquanto Rosa decidiu pela suspensão do texto, atendendo a pedidos de ações no Supremo. A medida representa uma derrota dura para o governo de Jair Bolsonaro.

Segundo a MP assinada por Bolsonaro, as redes sociais não podem moderar por conta própria os conteúdos e excluir, suspender ou bloquear perfis ou postagens de acordo com as regras das empresas.Para especialistas, a nova regra pretendida por Bolsonaro tem inconstitucionalidades e dificulta o combate às fake news. 

Antes das decisões de Pacheco e Weber, Bolsonaro afirmou que "fake news faz parte da vida" e defendeu não ser necessário que o governo crie uma forma de regular essa questão.

247

14 de setembro de 2021

Estádio de Futebol de Água Nova ganha iluminação

 

A Prefeitura Municipal de Água Nova, através das Secretarias Municipal de Esportes Obras, Infraestrutura e meio Ambiente, iniciou na tarde desta Segunda-feira 13, com recursos próprios do município, a  fixação dos postes que irão iluminar  o Estádio de Futebol do Município.

O prefeito Ronaldo Souza,  está acompanhando de perto  os trabalhos que ora estão sendo executados. 

13 de setembro de 2021

Não é divisão, é diferença

 

As faixas, cartazes, bonecos e gritos de manifestantes da dos atos meia-boca de ontem , são, para quem quiser ver, onde está a mira dos grupos de direita que foram a lenha que alimentou o caldeirão de onde nos veio a monstruosidade que nos governa. É o que diz o Jornalista Fernando Brito ao comentar sobre as manifestações de ontem promovida pelo MBL - Movimento Brasil Livre

12 de setembro de 2021

Bolsonaro e Adélio - Uma fakeada no coração do Brasil

 

Documentário sobre fakeada de Juiz de Fora é sucesso de público e de crítica

 

O documentário "Bolsonaro e Adélio - uma facada no coração do Brasil", feito pelo repórter investigativo Joaquim de Carvalho, pelo cineasta Max Alvim e pelo cinegrafista Eric Monteiro, com produção da TV 247 e financiamento coletivo de seus assinantes e apoiadores, demonstrou todos os furos do episódio usado por Jair Bolsonaro na disputa presidencial de 2018 para fugir dos debates e assim se tornar presidente da República sem ser confrontado.O filme, de uma hora e 44 minutos, demonstra, com riqueza de detalhes, todas as inconsistências da história oficial – e mentirosa – que vem sendo contada aos brasileiros desde então. Joaquim de Carvalho demonstra como Adélio Bispo de Oliveira era um militante de direita, como esteve no mesmo local em que Carlos Bolsonaro esteve dois meses antes do episódio, revela ainda como os seguranças de Jair Bolsonaro protegeram Adélio e depois foram promovidos e também narra como os prontuários foram escondidos e como o caso foi usado como arma de propaganda para eleger Jair Bolsonaro.

Lançado na noite de ontem como estreia no Youtube, o filme chegou a ter 15 mil espectadores simultâneos e já foi visto por dezenas de milhares de internautas, recebendo fartos elogios do público pela excelência jornalística. "O caso precisa ser reaberto e Carlos Bolsonaro deve ser investigado", diz Joaquim de Carvalho:

Comunicamos que estamos em manutenção

  Estamos melhorando a roupagem do Blog !  Em breve estaremos de volta . Agradecemos   compreensão !