10 de outubro de 2020

Governo do RN paga primeira parcela do 13º neste sábado (10)

 

São mais de R$ 178 milhões injetados na economia potiguar em um período de necessidade de recuperação financeira


Depois de quatro anos sem o potiguar receber o adiantamento da primeira parcela do décimo terceiro salário,  neste sábado (10), o Governo do RN paga 40% desse valor com a garantia de quitação dos 60% restantes até dezembro. Receberá, no mesmo dia, todo o funcionalismo estadual, entre ativos, inativos e pensionistas.


“São mais de R$ 178 milhões injetados na economia potiguar em um período de necessidade de recuperação financeira após os efeitos provocados pela pandemia, além do compromisso do Governo em pagar os salários de sua gestão em dia”, comentou o titular da secretaria de Planejamento e Finanças, Aldemir Freire.

SECOM

9 de outubro de 2020

Propaganda Eleitoral no Rádio começou hoje

 

A propaganda eleitoral no rádio e na TV começa hoje e vai até o dia 12 de novembro.

Nesta eleição, os blocos vão durar dez minutos, sendo às 7h e às 12h no rádio, e às 13h e 20h30 na TV, de segunda-feira a sábado. Apenas os candidatos a prefeito vão aparecer na propaganda dos blocos. Já as inserções durante a programação ocorrerão todos os dias, com 70 minutos diários em cada emissora, sendo 60% do tempo para os postulantes a prefeito - 42 minutos, e 40% para os concorrentes a vereador - 28 minutos.

No caso especifico da campanha em Água Nova Ronaldo Sousa do DEM e PL terão um tempo de 05,41, Fábio Araujo MDB  03:16 e Adelzon PSC  com 01:01. 


8 de outubro de 2020

Secretário Cipriano Maia rebate acusações de Fernando Lucena e diz que ataques aconteceram porque o vereador teve seus interesses contrariados

 


Foto: reprodução

O vereador Fernando Lucena (PT) fez duras críticas e acusações ao Secretário de Saúde Pública do Estado, Cipriano Maia, durante a sessão ordinária de quinta-feira (1º) na Câmara Municipal de Natal. A principal motivação dos ataques de Lucena foi a contratação de uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP) do Rio de Janeiro. Reveja aqui.

Eu sou do partido da governadora, mas picaretagem não conta comigo nem com Jesus Cristo descendo do céu. Aquele vagabundo que eu não tenho um posto de saúde pra dar, está contratando uma Oscip, aquela mesma do Rio de Janeiro. Eu estou denunciando isso aqui que é pra depois ninguém vir dizer: olha, Lucena que é do PT tá encobrindo safadeza“, denunciou o vereador Fernando Lucena.

Para Cipriano Maia, os ataques aconteceram porque o vereador teve seus interesses contrariados, segundo carta divulgada na manhã desta quarta-feira (7) em resposta às acusações. Veja a íntegra abaixo:

Resposta à difamação proferida pelo senhor vereador Fernando Lucena no plenário da Câmara Municipal de Natal em 01/10/2020 contra o secretário estadual de Saúde Cipriano Maia de Vasconcelos

A pretensa motivação do ataque a minha pessoa, à gestão da Sesap e ao governo da professora Fátima Bezerra está relacionada a um processo licitatório para contratação de mão de obra terceirizada por parte da Sesap em que teve seus interesses contrariados. Processo esse conduzido por uma Comissão permanente de Licitação, constituída por servidores de carreira e orientada pela legislação e normatividade vigente, submetida ao crivo dos órgãos de assessoria e defesa jurídica do Estado, e acompanhamento de órgão de controle da união, em que o Secretário não influencia no seu desfecho, salvo manifestação em recursos ou questionamentos sobre o processo, sempre com a manifestação prévia desses órgãos de controle.

O edital prevê que a organização vencedora assegure os direitos dos trabalhadores nos termos da legislação vigente, e a Sesap tem a responsabilidade de fiscalizar, seja qual for a organização prestadora de serviços. A organização vencedora do processo licitatório, que não foi uma Oscip, atendeu os requisitos do edital e ofereceu o menor preço para a prestação dos serviços no certame homologado.

Esclareço à sociedade que todos os atos da atual gestão da Sesap, e do conjunto do Governo da professora Fátima Bezerra, tem se pautado pela transparência e pela defesa do interesse público, e podem ser acompanhados nos portais da secretaria e no Portal da transparência governamental. Transparência reconhecida por organizações certificadoras nacionais e internacionais no atual processo da Pandemia da COVID 19. E qualquer denúncia ou pedido de investigação fundamentada será tratada com a devida atenção e responsabilidade pois a atual gestão da Sesap e o Governo são os maiores interessados em esclarecer eventuais irregularidades ou desvios de conduta. Contudo, temos que respeitar os ritos e os preceitos legais e normativos que assegurem a correta investigação e o direito de defesa.

Ressalto que os ataques vis proferidos pelo senhor Fernando Lucena falam mais sobre si do que sobre minha pessoa. A tradição popular já ensina: quem disso usa, disso cuida. Minha história de vida e minhas modestas contribuições à sociedade potiguar, como militante político, como profissional de saúde, como professor universitário e como gestor, é reconhecida pelos que se orientam pela honestidade e pela sinceridade de propósitos.

A minha coragem pessoal não se presta a bravatas e à difamação de pessoas inocentes e ausentes, de forma covarde e torpe. Ela foi utilizada no curso da minha vida para a defesa da liberdade e da democracia inclusive em contextos autoritários e repressivos em que estas estiveram ameaçadas. Continuo, desde sempre, me movendo na defesa de direitos para a(o)s trabalhadora(e)s e cidadãos, em particular do direito à saúde para o conjunto dos brasileiros, na luta pela construção do SUS. No exercício da docência universitária contribui na formação de profissionais de saúde comprometidos com a defesa da vida e nos postos de gestão que assumi nas últimas décadas, sempre estive movido pela defesa do interesse público e com a viabilização de políticas públicas que assegurassem a construção da cidadania no Brasil.

Agradeço às manifestações de solidariedade recebidas que nos motivam a continuar travando o bom combate em defesa do direito à saúde, da democracia e do respeito aos direitos humanos, enfim, em defesa da vida, em toda sua plenitude, para todas e todos brasileira(o)s.

Natal, 06 de outubro de 2020.

Cipriano Maia

Secretário Estadual de Saúde

Com atraso, Ministério da Saúde começa a debater com Instituto Butantan sobre compra da vacina chinesa

 



247 - O general Eduardo Pazuello, ministro da Saúde, finalmente vai receber o Instituto Butantan para discutir sobre a compra pelo governo federal da vacina chinesa, a mais promissora até agora entre todas as candidatas em ensaios no mundo. A demora do Ministério da Saúde para responder à proposta gera dúvida sobre distribuição nacional do imunizante. 

7 de outubro de 2020

Prefeitura de Monte Alegre confirma que candidato que garantiu mandato a Beto Rosado recebeu como comissionado durante período eleitoral

 O TRE do Rio Grande do Norte tem nas mãos um grande desafio:

Julgar a legalidade da contagem dos votos do então candidato a deputado federal Kericlis Alves Ribeiro – Kerinho, nas eleições de 2018.

Nas mãos dos juízes do Tribunal, a documentação da Prefeitura de Monte Alegre, mostrando que pagou salários ao servidor comissionado Kerinho – mesmo quando ele já era candidato a deputado federal, e teria que estar desincompatibilizado.

Caberá ao TRE – será? – repetir o que fez ainda no primeiro turno das eleições em 2018.

O Tribunal Regional Eleitoral indeferiu por unanimidade, o registro da candidatura de Kerinho.

O ministro Jorge Mussi, do TSE, confirmou o indeferimento.

Só que logo depois, misteriosamente – ou não – o ministro Jorge Mussi desistiu do indeferimento e mudou de posição, mandando contar os votos de Kerinho, beneficiando com isso o deputado, até então derrotado, Beto Rosado (PP).

Diante dos recursos apresentados pelo eleito Fernando Mineiro (PT), que perdeu o mandato para Beto, mesmo tendo sido o terceiro mais votado, o TSE devolveu o processo para o TRE-RN analisar a documentação.

Resta saber se o TRE vai considerar legal o recebimento de salários por um servidor público quando ele é candidato.

A menos que o Tribunal decida mudar a lei…

Na defesa recente de Kerinho, para justificar que recebeu salários de cargo comissionado mesmo sendo candidato, ele acusa a Prefeitura de Monte Alegre – o prefeito Severino Rodrigues, pai do deputado estadual Kleber Rodrigues – de “desorganização”.

Também declarou que a Prefeitura pagou os salários “sem manifestação da vontade do servidor”.

Tipo assim…’eu não queria mas apareceu na minha conta’…

Se os juízes do Tribunal Regional Eleitoral não vão considerar isso surreal…aí não dá para entender mais nada sobre justiça eleitoral.

Há quem entenda a defesa do ex-candidato como um “atentado à dignidade da Justiça”.

A defesa de Kerinho, que na realidade é a defesa do mandato de Beto Rosado, teve uma baixa, apesar de manter os advogados poderosos de Brasília.

De Natal, deixaram o processo, como o Blog já publicou, os advogados Felipe e Thiago Cortez.

Abaixo a cópia de uma certidão assinada pela chefe do setor de Recursos Humanos da Prefeitura de Monte Alegre, confirmando que Kerinho permaneceu como cargo comissionado mesmo quando era candidato.

E que a única alteração no período foi de agência bancária.

Até o final de 2017 recebia os vencimentos pelo Banco do Brasil de São José de Mipibu, e de janeiro a dezembro de 2018, pelo Bradesco de Monte Alegre.

Também abaixo, cópias do crédito em conta salário nos 3 últimos meses de 2018.

Só resumindo para o leitor, porém o Blog tem as cópias de todos os meses do ano eleitoral.

Thaisa Galvão


Secretário de governo do RN, disse que o pai de Fabio Faria, “raspou” as economias do RN

 Entenda o caso:


A governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT) decidiu pagar 40% do décimo terceiro dos servidores públicos estaduais no mês de outubro de 200, o que totaliza R$ 180 milhões. O dinheiro cai na conta dos trabalhadores a partir do dia 10 de outubro. Os 60% restantes, o governo assegura pagar até o fim do ano.

Fábio Faria é ministro das comunicações do presidente da república, Jair Bolsonaro, indicado pelo magnata da televisão no Brasil, Silvio Santos, apoiador do presidente. Faria é deputado federal afastado, eleito pelo RN. O pai dele, Robinson Faria, foi governador do RN ( 2015 e 2018).

Nesta semana Fábio Faria decidiu abrir o “bico” para alfinetar sobre o pagamento do décimo terceiro salário dos trabalhadores que será feito pelo governo. A oposição dele é mais um aceno com a possibilidade de disputa ao governo nas próximas eleições.

“Hoje, [a governadora] só está conseguindo pagar a folha, só consegue recursos para [enfrentar] a Covid, devido a Jair Messias Bolsonaro, que é quem ela mais odeia e sobre quem ela mais fala mal. Quem está pagando 40% do décimo [terceiro salário antecipado aos servidores estaduais] é Bolsonaro, porque o dinheiro era para Covid e ela está usando para folha”.

Logo secretários de governo estadual, ajudaram o ministro de Bolsonaro recompor a memória. O primeiro foi o secretário estadual de Planejamento, Aldemir Freire.

“Bem diferente do que ocorreu com a gestão anterior, entre o final de 2017 e 2018 (cujo governador era o pai de Fábio, Robinson Faria), quando o Estado recebeu R$ 400 milhões extras do Governo Federal para a saúde, utilizou para pagar pessoal, deixou de aplicar o mínimo constitucional de 12% e deixou um rombo de R$ 135 milhões no Estado”.

Freire: lembro que o pai de Fábio Faria, quando governador “raspou o tacho do Fundo previdenciário” e “deixou 4 folhas em atraso. Aliás, acho que o deputado deve estar confundindo o governo da professora Fátima com o do pai dele”.

O secretário de Tributação, Carlos Eduardo Xavier, também se pronunciou.

“Quem paga salário de servidor é governo com compromisso! Foi-se o tempo que o fundo previdenciário foi sacado, mais de 750 mi de recursos da repatriação entraram nas contas do RN, o estado batia recorde de arrecadação de ICMS, e os atrasos se acumulavam…”.

Fábio Faria apenas silenciou!

Os recursos públicos, não patrimônios do cidadão que paga impostos elevados. Não pertence aos grupos e partidos políticos ou gestores.

O MP do Rio Grande do Norte denunciou o ex-governador Robinson Faria por desvios e lavagem de dinheiro de R$ 2,7 milhões. Os crimes teriam ocorrido entre 2008 e 2010, quando ele presidia a Assembleia Legislativa do estado.

O ex-governador, do PSD, é acusado no âmbito da Operação Dama de Espadas, que mirou um suposto esquema de rachadinha.

Nesta semana, o Ministério Público revelou que a mãe de Fábio Faria recebeu salário sem trabalhar por 7 anos sem trabalhar. Ela se apropriou indevidamente de R$ 153.433,28 uma vez que não comparecia ao trabalho, o que caracterizaria a figura do “servidor fantasma”. O ministro se manteve em silêncio sobre os escândalos em família.

6 de outubro de 2020

Morre aos 65 anos Van Halen um dos maiores guitaristas do ROCK

O lendário guitarrista e fundador da banda Van Halen, morreu aos 65 anos nesta terça-feira (6) depois de uma longa luta contra um câncer na garganta.

Ouça :

Governo do RN autoriza realização de shows e eventos

 

O Governo do Estado autorizou a realização de atividades coletivas, incluindo eventos como shows, atividades esportivas, feiras e exposições, em decreto publicado nesta terça-feira, 6/10.

Porém, de acordo com o texto, os organizadores dos eventos precisam apresentar protocolos para receber autorização da autoridade sanitária.

A autorização se deu por meio do decreto 30.035, que revogou o decreto 29.583, de 1º de abril passado.

“A realização de shows ou de eventos de massa não contemplados pela Portaria Conjunta nº 026/2020 – GAC/SESAP/SEDEC/SETUR, de 21 de setembro de 2020, ficam condicionados a autorização específica pela autoridade sanitária, mediante apresentação de protocolo pelo interessado, até que sobrevenha protocolo específico instituído por Portaria Conjunta”, diz o decreto atual.

O novo documento estabelece uma série de medidas que devem ser seguidas para que os eventos ocorram, além de estabelecer a obrigatoriedade de apresentação de um protocolo por parte da organização de tais atividades.

Segundo o governo, a autorização está sendo possível em face da baixas taxas de transmissibilidade da covid-19 (abaixo de 1), e de ocupação de leitos (em 40%, em média).

Com o novo decreto, poderão ser realizados shows, feiras, exposições e atividades desportivas, desde que seja apresentado protocolo de segurança e este seja aprovado por autoridades sanitárias. Essas medidas devem seguir as normas de biossegurança que vem sendo publicadas pelo governo estadual desde o início da pandemia.

Confira o decreto

portaldorn

Governo promove agricultura familiar ao mercado de bares e restaurantes




Com o objetivo de fomentar as compras e vendas diretas entre os produtores da agricultura familiar e os bares e restaurantes potiguares, o Governo do Rio Grande do Norte realizou, nesta segunda-feira (05), o evento Proseando: debate e degustação de produtos da agricultura familiar. Idealizada pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Rural e da Agricultura Familiar (Sedraf), a ação foi executada através de parcerias, sem custos para o Estado, na Central de Comercialização da Agricultura Familiar (Cecafes), no bairro de Lagoa Nova. 

Desde o início desta gestão, o Governo do Estado tem trabalhado para estruturar o fortalecimento do segmento, que responde pela produção de 70% dos alimentos saudáveis no Brasil e no Rio Grande Norte. Além de realizar compras diretas da agricultura familiar, pelo Programa Estadual de Compras Governamentais da Agricultura Familiar e Economia Solidária (Pecafes), o governo tem fomentado a agricultura familiar visando a abertura de mercados.  

A governadora Fátima Bezerra participou da degustação do cardápio que encerrou o evento – um prato com o tradicional arroz de leite, feito com arroz vermelho, queijo de coalho, nata e enriquecido com camarões, concebido pelo chef Marcelo Labre. “Essa parceria que estamos fazendo com a Abrasel (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes) é mais um passo para a realização de um sonho, que é inserir os produtos da agricultura familiar, por seu caráter saudável e sustentável, no mercado e fazer com que eles cheguem às mesas dos nossos bares e restaurantes”, disse Fátima. 

A iniciativa foi promovida em parceria com a Secretaria de Estado do Turismo (Setur), a Empresa Potiguar de Promoção Turística (Emprotur), Governo Cidadão, Universidade Potiguar (UNP), Abrasel, Escola Agrícola de Jundiaí (EAJ/UFRN), Sebrae/RN, União Nacional das Cooperativas de Agricultura Familiar (Unicafes) e Organização das Cooperativas do Estado do RN (Ocern).

Professor do curso de gastronomia da Universidade Potiguar (UNP), o chef Marcelo Labre ressaltou a importância do caráter do evento e os resultados práticos que serão colhidos. “A gente só vai ter uma gastronomia genuinamente potiguar quando passarmos a utilizar os ingredientes da culinária regional. Quando eles [produtos da agricultura familiar] deixarem de ser coadjuvantes para serem utilizados como prato principal. Para que isso se torne realidade, o que está faltando para a logística do restaurante é exatamente esse elo que está sendo feito aqui”, opinou. 

“Agradeço a todos os entes envolvidos, em especial à UnP, que proporcionou essa degustação em que mostra a viabilidade da agricultura familiar. Tenho certeza de que é o início de uma parceria que ainda vai render muito frutos. A abertura de mercado por meio de venda diretas é um sonho antigo dos agricultores, através das cooperativas, que está sendo concretizado no seu governo”, destacou o titular da Sedraf, Alexandre Lima.
 
VENDA DIRETA 

No menu degustação apresentado no Proseando, teve arroz cremoso com queijo, manteiga da terra, nata e camarão; bolinho de feijão verde com manteiga da terra e geleia de manga com pimenta; antepasto de berinjela; quiche com jerimum refogado e queijo do reino; queijo de coalho defumado com abacaxi; chips de banana, macaxeira, batata doce e medalhões de queijo. O presidente da Abrasel, Artur Fontes, e os demais associados presentes se deliciaram com o cardápio, executado com a participação de alunos do curso de gastronomia da UnP, e o aprovaram da entrada à sobremesa. 

Ao final, os convidados receberam kits com produtos secos e molhados da agricultura familiar. Bastante otimista, Fontes frisou a forma como a iniciativa pode ser desenvolvida de forma mútua. “Agora trabalhamos para que a agricultura possa pautar os restaurantes, mas aposto também que em breve os restaurantes possam pautar a produção dos nossos agricultores com ingredientes específicos que hoje são importados, como os cogumelos”, disse. 

O empresário Fernando Popó, vice-presidente da Abrasel e colaborador da Organização das Cooperativas do Estado do RN (Ocern), destacou o diferencial que as compras coletivas de produtos da agricultura familiar representam para a realidade dos bares e restaurantes, para os produtores e para os consumidores.  “Além do fator preço e da competitividade, pois eliminamos a figura do atravessador, ainda apostamos na qualidade dos produtos. O sabor chega realçado até à mesa do cliente. Vou citar como exemplo o investimento que o Estado tem feito para 34 queijeiras. Isso tem ajudado bastante a aumentar a qualidade do nosso queijo e um exemplo é a nossa mussarela”, declarou. 

A coordenadora da Cecafes e presidente da União Nacional das Cooperativas de Agricultura Familiar (Unicafes), Fátima Torres, destacou que o fomento à compra e venda direta tem sido uma estratégia muito boa para fortalecer a agricultura familiar. “Isso aqui só está funcionando porque a Cecafes está aberta, está funcionando, e aqui temos espaço para estocar. Acreditamos que vai dar certo”, disse. A Central é situada na esquina da Rua Jaguarari, com a avenida Mor-Gouveia, no bairro de Lagoa Nova, e funciona de segunda a sábado, das 06h às 14h. 

O vice-presidente da Ocern e produtor de queijos, Joseilson Medeiros, de São João do Sabugi, destacou o apoio do programa Governo Cidadão, por meio de empréstimo do Banco Mundial, que está possibilitando a estruturação das queijeiras. “O queijo produzido pela agricultura familiar com certificação é tudo o que mais precisamos nesse momento, para expandir o mercado”. 

O Proseando foi realizado das 9h às 12h, em formato híbrido, e teve a participação presencial de Adriana Lucena, cozinheira autodidata e pesquisadora de alimentos; por videoconferência de Rodrigo Levino, proprietário do Restaurante Jesuíno Brilhante (São Paulo – SP); o chefe de cozinha, Carlos Alberto Doria (São Paulo–SP); e Julie Cavignac, professora do Departamento de Antropologia da UFRN. 

O encontro foi articulado pela coordenação de mercado da Sedraf, que tem o gestor de cooperativismo Emerson Cenzi como coordenador. “O mote central deste trabalho que estamos desenvolvendo é a agricultura familiar como elemento de sustentabilidade da gastronomia. Nosso intuito é fazer chegar o produto de qualidade à mesa do consumidor”, destacou.

Além dos já citados, também participaram do evento o secretário de Gestão de Metas Projetos e Relações Institucionais, Fernando Mineiro; o diretor do Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural do RN (Emater-RN), César Oliveira; a subsecretária de Política e Gestão Turística (Setur), Solange Portela; secretário adjunto da Sedraf, Lucenilson Ângelo. 

5 de outubro de 2020

Pix: começa hoje o cadastro para pagamento instantâneo.


 O Pix, novo meio de pagamento instantâneo criado pelo Banco Central, entra em operação nesta segunda-feira (5 de outubro). Com o Pix, as pessoas e empresas poderão transferir dinheiro, fazer e receber pagamentos em menos de 10 segundos, usando apenas aplicativos de celular. As transações mesmo só começam em 16 de novembro, mas hoje ocorre o primeiro passo para quem quiser usar o Pix: é o cadastro da chave Pix. Segundo o Banco Central, já há 677 instituições cadastradas para oferecer o Pix. 

que é a chave Pix? 

A chave Pix representa o endereço da sua conta no Pix, da mesma forma que um número identifica a pessoa na hora de votar, no título de eleitor, ou o email identifica o endereço de alguém na Internet para receber mensagens.... 

Como criar uma chave Pix?... 

Para criar uma chave Pix, a pessoa ou empresa precisa usar uma dessas quatro formas de identificação: CPF/CNPJ, email, número de telefone celular ou a chave aleatória. A chave aleatória é uma forma de receber um Pix sem precisar informar dados pessoais. Será como um login, ou seja, um conjunto de números, letras e símbolos gerados aleatoriamente que identificará a conta do destino de recursos. 

Como funciona a chave Pix?... 

Para criar uma chave Pix, a pessoa ou empresa precisa usar uma dessas quatro formas de identificação: CPF/CNPJ, email, número de telefone celular ou a chave aleatória. A chave aleatória é uma forma de receber um Pix sem precisar informar dados pessoais. Será como um login, ou seja, um conjunto de números, letras e símbolos gerados aleatoriamente que identificará a conta do destino de recursos.... 

 Veja mais em https://economia.uol.com.br/

Governo quer financiar Renda Cidadã com aperto na classe média



 A equipe econômica de Paulo Guedes está preparando mais uma facada no bolso do contribuinte. Desta vez, com um corte nas deduções de quem opta pela declaração simplificada do Imposto de Renda, que dá desconto automático de 20%. A medida pode prejudicar mais de 17 milhões de pessoas.

A declaração simplificada é vantajosa porque garante um desconto padrão de 20% automático, independentemente de o contribuinte ter ou não despesas a deduzir.

A meta do governo é usar o recurso proveniente desse corte para financiar o programa Renda Cidadã. 

247

4 de outubro de 2020

Brasil registra 599 novas mortes por Covid-19 e total vai a 145.987

  
Enterro de vítima do coronavírus no cemitério da Vila Formosa, em São Paulo (SP) 26/05/2020


O Brasil registrou neste sábado 599 novos óbitos em decorrência da Covid-19, o que eleva o total de mortes pela doença no país a 145.987, segundo dados do Ministério da Saúde.Também foram notificados 26.310 novos casos da doença provocada pelo coronavírus, com o total de infecções confirmadas no país atingindo 4.906.833.

O Brasil é o segundo país com maior número de mortes por Covid-19 no mundo, atrás apenas dos Estados Unidos, e o terceiro em número de casos, abaixo dos EUA e da Índia.

São Paulo, Estado brasileiro mais afetado pela Covid-19, passou da marca de 1 milhão de infecções notificadas, com 1.003.429 casos e 36.136 mortes.

O segundo Estado com maior número de óbitos causados pela Covid-19 no país é o Rio de Janeiro, que registrou 18.749 mortes, com 271.575 casos, de acordo com os dados do Ministério da Saúde.

Na contagem de infecções confirmadas, porém, o Rio fica abaixo da Bahia e de Minas Gerais --o Estado nordestino soma 314.711 casos e 6.890 mortes, enquanto Minas registrou 305.527 infecções e 7.569 óbitos.

Ceará, Pará, Santa Catarina, Goiás e Rio Grande do Sul são os demais Estados que já notificaram mais de 200 mil casos de Covid-19.

Comunicamos que estamos em manutenção

  Estamos melhorando a roupagem do Blog !  Em breve estaremos de volta . Agradecemos   compreensão !