1 de julho de 2017

Preso por delegado, deputado estadual do RN é levado para o Comando Geral da PM

Está preso no Comando Geral da Polícia Militar, em Natal, o deputado estadual Dison Lisboa (PSD), líder do governo do estado na Assembleia Legislativa. A prisão foi feita na madrugada deste sábado (1º) pelo delegado Wellington Guedes, da cidade de Goianinha.

"Os advogados dele entraram em contato e marcamos um local de encontro próximo ao Comando da PM. Quando o deputado chegou, dei voz de prisão e ele foi levado para o quartel", afirmou Guedes. Ainda de acordo com o delegado, Dison estava acompanhado de dois advogados.

A prisão de Dison aconteceu em razão de uma determinação da juíza Ana Karina de Carvalho Costa Carlos da Silva, da comarca de Goianinha, que publicou decisão para o imediato cumprimento da pena imposta ao parlamentar. Ele tem condenação de 5 anos e oito meses por apropriação de bens ou rendas públicas, ou desviá-los em proveito próprio ou alheio, quando era prefeito de Goianinha.

Pela condenação, o deputado deve iniciar o cumprimento da pena em regime semiaberto.

O pedido de cumprimento imediato da pena tinha sido feito pelo Ministério Público Estadual no início da semana. Dison foi condenado em 2013 e havia recorrido em liberdade.

De acordo com o MP, o deputado tentou a redução da pena e o Superior Tribunal de Justiça (STJ) determinou o envio dos autos ao Tribunal de origem para providências quanto ao início da execução. Contra a decisão do STJ, o deputado impetrou habeas corpus perante o Supremo Tribunal Federal (STF) requerendo liminar para suspensão dos efeitos da decisão, o que foi indeferido.

Defesa

Em nota, a assessoria de comunicação do deputado Dison Lisboa disse que ele está convicto do seu direito de responder em liberdade pois encontram-se pendentes de julgamento recursos junto ao STF (Supremo Tribunal Federal) e STJ (Superior Tribunal de Justiça).

"O deputado vai recorrer ao Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte para fazer valer a sentença original da Juíza de Goianinha que lhe assegurou, no primeiro momento, o direito de recorrer em liberdade. Afinal o Supremo Tribunal Federal já decidiu que "Deve ser ressaltado que a sentença condenatória assegurou ao paciente o direito de recorrer em liberdade, de modo que, como esse aspecto não foi objeto de recurso por parte do Ministério Público, o paciente tem o direito de recorrer em liberdade, porquanto tal situação implicaria a formação da coisa julgada no ponto. (...)"

Por fim, ainda de acordo com a nota, "Dison Lisboa reitera seu respeito à Justiça e espera confiante o restabelecimento do seu direito de recorrer em liberdade e provar sua inocência. Lembrando que a determinação desta sexta é de que ele cumpra a pena em regime semiaberto, podendo realizar suas atividades normalmente durante o dia, recolhendo-se no período da noite".

Também em nota, a Assembleia Legislativa disse que ainda não foi notificada oficialmente sobre a decisão judicial que envolve o deputado.

Já a assessoria de imprensa do governador, disse que Robinson Faria está cumprindo agenda administrativa em Mossoró e que ainda não vai se pronunciar sobre o caso.

*Por Anderson Barbosa, G1 RN

DALLAGNOL AVISA: AÉCIO PODE MATAR A LAVA JATO

Líder da Força-Tarefa da Operação Lava Jato que comanda as investigações do Ministério Público Federal (MPF) em Curitiba, o procurador Deltan Dallagnol deu a entender que a volta de Aécio Neves ao Senado poderá ter consequências devastadoras para a investigação; “Havia razões para estar preso, mas influenciará leis que governam nosso país. Livre inclusive para articular o fim das Lava Jato e anistia”, comentou o procurador.
247

30 de junho de 2017

Justificativas pra não terem matado o invasor do Alvorada!

FACHIN MANDA SOLTAR O HOMEM DA MALA DE TEMER


Ex-assessor de Michel Temer, que foi foi flagrado pela Polícia Federal recebendo uma mala com R$ 500 mil em propina da JBS, ex-deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR) poderá usar tornozeleira eletrônica, com a condição de ficar em casa à noite, finais de semana e feriados, segundo decisão do ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato no Supremo; a prisão de Rocha Loures, ocorrida em 3 de junho, o pressionava a delatar Temer

"Falando na Lata"

Resultado de imagem para falando na lata
Depois desse Ministro devolver o mandato de Aécio, É o FIM.
 O ministro Marco Aurélio Mello decidiu nesta sexta-feira (30) não acatar o novo pedido de prisão de Aécio Neves (PSDB-MG), feito pela PGR, e ainda restabeleceu o mandato do senador.

29 de junho de 2017

Professores da UERN lamentam a morte prematura da professora Joseney

 A imagem pode conter: 8 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé e área interna
É impossível descrever a dor e a tristeza que se abateu a todos que fazem a UERN com a trágica e prematura partida da professora Joseney. Nós, do Departamento de Economia, estamos atordoados e arrasados com esse infortúnio que vitimou nossa colega e sua família. No Curso de Economia, foram muitos anos de convívio, primeiro como aluna, posteriormente como professora. Determinada, perspicaz, inteligente e vocacionada para academia, Joseney deixa um grande legado, pessoal e acadêmico, para o nosso curso. Uma perda irreparável!

Do Facebook de Flauberto Torquato

CCJ aprova reforma trabalhista, que vai a plenário

Fabio Rodrigues Pozzebom/Agênci
A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou ontem (28), por 16 votos a favor, 9 contrários e 1 abstenção, o relatório do senador Romero Jucá (PMDB-RR) favorável à reforma trabalhista; sob protestos da oposição, a comissão aprovou o regime de urgência para o projeto ir para plenário; o presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), já comunicou que pautará a matéria imediatamente; que poderá ser analisada já na sessão extraordinária convocada para as 10h desta quinta-feira ou ficar para a próxima terça-feira (4)

PF: Temer pressionou o BNDES em favor da JBS

Marcelo Camargo/Agência Brasil
A perícia da Polícia Federal nos grampos feitos pela JBS trouxe novos elementos constrangedores para Michel Temer; além de autorizar o empresário Joesley Batista a comprar o silêncio de Eduardo Cunha e negociar propinas com o homem da mala Rodrigo Rocha Loures, ele também demonstrou ter pressionado a ex-presidente do BNDES, Maria Silvia Bastos Marques, a favorecer negócios do grupo; "Sabe que eu fui em janeiro pressionar", disse Temer, segundo a PF; recentemente, Maria Silvia se demitiu, sem explicar os motivos.

28 de junho de 2017

Sindicato Convoca à população para aderir a Greve Nacional dia 30


OAB: Rodrigo Maia “atrasa a vida do país e agrava a crise”

: <p>Carlos Lamachia e Rodrigo Maia</p>
Presidente do Conselho Federal da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), Carlos Lamachia, acusa o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, de "se recusar a analisar os pedidos de impeachment" contra Michel Temer; em maio, a OAB protocolou na Câmara pedido de impeachment de Temer. Segundo a entidade máxima da Advocacia, Maia não deu andamento ao pedido. Fora o pedido da OAB, são mais de 20 pedidos de  impeachment" protocolados.

27 de junho de 2017

A giff do dia!!!

http://www.1foratemer.com.br/wp-content/uploads/2016/11/Temer-nojo.gif

A Frase do dia

Fátima Bezerra: “Se a Câmara livrar a cara do presidente será um suicídio político”

Temer expõe o Brasil a vergonha mundial


Agências internacionais e dezenas de veículos de diversos países, como Estados Unidos, França, Alemanha, Inglaterra e Argentina repercutem deste ontem a denúncia por corrupção apresentada pela Procuradoria Geral da República contra Michel Temer ao Supremo Tribunal Federal; todas as agências internacionais noticiam e destacam que é a primeira vez que um chefe de Estado do Brasil é denunciado por corrupção no exercício do mandato; a palavra-chave na cobertura do dia é corrupção, que permeia todos os títulos das reportagens.

247

Após denunciar Temer, Janot pede união do MP


Logo depois denunciar Michel Temer por corrupção, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, escreveu uma carta dirigida aos membros do Ministério Público Federal em que pede a união da instituição; no documento, Janot classifica a Lava Jato como "o maior escândalo de corrupção do planeta" e destaca que não há pessoas acima da lei; “Num regime democrático (…) ninguém está acima da lei ou fora de seu alcance, cuja transgressão requer o pleno funcionamento das instituições para buscar as devidas responsabilidades”; em março, ao enviar ao Supremo os pedidos de inquérito da delação da Odebrecht, Janot já havia divulgado uma carta semelhante aos procuradores.

247

26 de junho de 2017

PF conclui: Temer tentou obstruir investigações


Em seu relatório final entregue ao Supremo Tribunal Federal nesta tarde, a Polícia Federal constatou que Michel Temer incentivou pagamentos ao ex-deputado Eduardo Cunha, a fim de comprar seu silêncio no âmbito da Operação Lava Jato, e que por isso atuou para obstruir investigações; o incentivo ocorreu durante uma conversa com Joesley Batista, dono da JBS, no Palácio do Jaburu, cuja gravação foi entregue pelo empresário à PF; o documento diz ainda que Temer deixou de comunicar as autoridades sobre suposta corrupção de membros do Judiciário e do Ministério Público, conforme informado por Joesley; no relatório preliminar, a PF já havia apontado a prática do crime de corrupção passiva por Temer.

247

PSDB avisa que partido votará todo a favor da Reforma Trabalhista que diminui salários

O senador José Aníbal (PSDB-SP) disse que o PSDB vai votar pela aprovação da reforma trabalhista na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, que deve ocorrer na semana que vem, e também no plenário. “Vamos votar totalmente a favor”, disse ele a jornalistas, após participar de evento na Câmara Municipal de Barueri.
 
do portalvermelho

Denúncia contra Temer ameaça paralisar trabalhos da Câmara na semana

Wilson Dias/Agência Brasil: <p>Brasília - Plenário da Câmara dos Deputados durante sessão para votar a Desvinculação das Receitas da União (DRU) até 2023 e reajustes salariais de servidores (Wilson Dias/Agência Brasil)</p>
A denúncia do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, contra Michel Temer pode paralisar os trabalhos da Câmara dos Deputados nesta semana; uma vez apresentada a denúncia, caberá aos deputados – primeiro, no âmbito da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e, depois, no plenário – decidirem se a denúncia terá ou não seguimento; líderes da base governista acreditam que o ritmo normal de trabalho será mantido, mas parlamentares da oposição entendem que não haverá clima para votações.

25 de junho de 2017

83% dos brasileiros acham que Temer é corrupto

Pesquisa do instituto Datafolha divulgada neste domingo, 25, mostra que 83% da população brasileira acredita que Michel Temer tem participação direta no escândalos de corrupção revelados pelo empresários Joesley Batista, da JBS; Temer deve ser denunciado nesta semana  pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, sob acusação de corrupção passiva, organização criminosa e obstrução de Justiça; segundo a pesquisa, 64% da população reprovaram o acordo de colaboração premiada que a PGR fechou com os donos da JBS, ao prever multa, mas não a prisão dos delatores; para 81%, os irmãos Batista deveriam ter sido presos, apesar das revelações. Publicado pelo 247

O cafezinho: Juristas europeus analisam a perseguição judicial a Lula

Comunicamos que estamos em manutenção

  Estamos melhorando a roupagem do Blog !  Em breve estaremos de volta . Agradecemos   compreensão !