2 de julho de 2016

Escolas Municipais festejaram na noite de ontem seu 17º Arraiá

O calendário junino das escolas de Água Nova encerrou - se  ontem (1) com a realização do 17º Arraia do "Tio Raimundo". Uma organização das escolas municipais: Manoel Raimundo e da Escolinha Criança Esperança. Além das tradicionais quadrilhas e comidas típicas,  as escolas inovam em suas atrações e atraem cada vez mais  um público maior. Veja imagens de Ronaldo Souza e Elizângela Felipe. A equipe do Blog do Jornal A Tromba parabeniza a todos os envolvidos na realização do evento.





Prefeito de Coronel João Pessoa imita Novela velho Chico e Nega alvará para o Arraiá por ter o nome de Vô Neci



CLIQUE E AMPLIE A FOTO
E o impasse instalou-se na pequenina cidade de Coronel João Pessoa. O prefeito Francisco Alves da Costa, "Pachica", negou o alvará para que a festa que leva o nome de Arraiá do Vô Neci, ocorresse na data programada. O evento, coordenado por familiares do ex-prefeito Neci, que apoiou Pachica na primeira oportunidade que disputou e venceu o pleito em que tornou-se prefeito, em 2008, não tiveram a autorização necessária. Segundo informações, isso ocorreu por que o gestor exigiu pontos que antes não eram solicitada.
No indeferimento, o prefeito ressalta a inexistência de projeto de engenharia, ART e segurança. Critérios, segundo o odontólogo e filho de Neci, nunca foi requisitado em evento anteriores realizados no município. "É um ato de clara perseguição política", disse Janilson. O despacho data de 28 de junho no corrente ano, sendo o evento marcado para o dia 02 de julho, hoje. O tempo deve ter tido muito curto para que as exigências fossem atendidas.
CLIQUE E AMPLIE A FOTO
Em comunicado veiculado pelos coordenadores do Arraiá, o prefeito é rotulado de ditador, prepotente e perseguidor. Também é questionado se para a realização de evento similar, denominado Arraiá de Tia Nenezinha, (nome da sogra de Pachica), houve a exigência da documentação requerida ao filhos de Neci. O Arraiá da Tia nenezinha ocorre faz aproximadamente 15 anos e foi criado na gestão da ex-prefeita Cristina e teve prosseguimento nas gestões de Neci, a partir de 2001.
O evento será remarcado, aguardando-se somente a divulgação de nova data. 
 Fonte:rnpoliticaemdia

JOVENS CRITICAM PM NAS REDES SOCIAIS E ACABAM "DETIDOS" POR DESACATO.

Homem que criticou a Polícia Militar é preso por desacato em São Paulo

A crítica foi pelas redes sociais, mas a resposta não veio na caixa de comentários. Dois jovens, um de São Paulo e outro do Ceará, foram buscados em casa e levados à delegacia após se queixarem da Polícia Militar de suas cidades. A justificativa: desacato a autoridade.
O caso mais recente aconteceu nesta quinta (30), em Pedregulho, uma cidadezinha de pouco mais de 15 mil habitantes a 437 km de São Paulo.
Uma agência da Caixa foi assaltada por criminosos na madrugada do mesmo dia. Os bandidos, fortemente armados, trocaram tiros com os policiais militares e fugiram, em um tipo de ação recorrente na região.
O jogador de basquete Wesley Venancio, 19, acordou com o barulho e depois escreveu um post criticando a atuação da polícia, afirmando que os PMs ficaram com "medo" dos criminosos. "Pra pegar os filhos dos outros e bater na cara e outras coisas eles são bons. Aí chega o crime organizado aqui e leva um banco, e os PMs sumiram, cadê? Correu", escreveu o rapaz.
Na manhã seguinte, PMs foram buscar o rapaz em casa e o levaram à delegacia da cidade para registrar boletim de ocorrência por desacato a autoridade. A reportagem apurou com moradores da cidade que o rapaz foi levado na parte de trás da viatura.
O caso veio à tona porque os próprios policiais postaram uma foto do rapaz de costas, entrando na delegacia com as mãos para trás, ao lado de um PM fardado.
O tenente Ailton Ramos justificou a ação dos policiais na madrugada, afirmando que os bandidos estavam armados com fuzis e que os PMs apenas " deixaram o local pra se abrigarem e aguardar o apoio".
"Toda ação tem reação. Este rapaz aí publicou asneiras em sua página no Facebook, foi detido pelos policiais militares cabo Rogerio e soldado Bolonha, logo, conduzido a Delegacia de Pedregulho pra registro de ocorrência de desacato", escreveu o oficial.
A página de comentários tem várias mensagens de apoio aos policiais pela atitude.
EM CASA
A Folha apurou que, devido à repercussão do caso, o jovem tem evitado sair de casa e faltado aos treinos de basquete. Em sua página do Facebook, ele apagou o post e escreveu "todo mundo erra um dia".
Questionada sobre a atuação dos PMs, a corporação afirmou que abriu investigação para apurar o motivo da condução do rapaz ao distrito.
Sobre o post feito pelo policial no Facebook, a corporação afirmou: "A Polícia Militar esclarece que todos os policiais militares, dentro de sua liberdade de expressão, podem postar o conteúdo que bem entenderem nas redes sociais, sendo, contudo, os responsáveis por suas declarações e atitudes".
O comunicado da PM afirmou ainda que "a opinião de um integrante da Polícia Militar não expressa, obrigatoriamente, a opinião da Instituição, tampouco a realidade dos fatos".
CEARÁ
O outro caso aconteceu em Itatira (176 km de Fortaleza). Um adolescente de 17 anos foi acordado à tarde de um cochilo em casa por uma dupla de policiais. A ordem era vestir uma camisa e entrar no carro dos PMs.
Sem os pais, sentado no banco de trás, o jovem foi levado por 16 km pelos policiais até um posto da PM e, de lá, com um conselheiro tutelar, viajou para outra cidade, onde é levado para a delegacia. O motivo: um dia antes, postou em seu perfil no Facebook críticas genéricas à polícia de sua cidade, Itatira (176 km de Fortaleza).
O episódio, ocorrido no dia 22, provocou revolta nos pais e no garoto –que cogitava justamente prestar concurso para ser policial.
O caso foi registrado como desacato pelos policiais. O post, que foi deletado pelo adolescente assim que os policiais bateram em sua porta, dizia assim, segundo o Ministério Público Estadual, que acompanha o caso: "Aqui em Itatira os roubos acontecem e a polícia não faz nada, e quando faz é para ajudar bandido".
'TRAZ A CARRETA'
Para a OAB Ceará, houve excesso da parte dos policiais. "O desacato só pode ser caracterizado pessoalmente", afirmou o advogado Renato Torres, membro da Comissão de Direito da tecnologia da Ordem. Se confirmada a versão do adolescente, diz, há espaço para um processo administrativo contra os PMs.
O promotor Francisco Lucídio de Queiroz Júnior, que acompanha o caso, disse ver irregularidade no fato de policiais terem conduzido o garoto sem a presença dos responsáveis. Já quanto ao comentário, em sua opinião, o texto postado no Facebook poderia, sim, configurar ato equivalente a calúnia. "Ele atribuiu aos policiais a coautoria de atos criminosos".
O pai do adolescente discorda. "Se forem prender todo mundo que critica a polícia, é melhor trazer logo uma carreta". A família pretende levar o caso à Secretaria de Direitos Humanos do Estado.
Depois do episódio, o adolescente disse à Folha que desistiu do sonho de prestar concurso para se tornar um policial militar –ele tem tio e primo sargentos. "Eles não prendem bandido, mas cidadão de bem eles prendem".
Ainda segundo o garoto, no trajeto até o posto da PM, sozinho com os policiais, ele diz ter sido xingado pelos PMs.
Nem policiais nem os conselheiros tutelares quiseram falar com a reportagem. A Controladoria-Geral de Disciplina dos órgãos de segurança Publica e Sistema Carcerário do Ceará, responsável pela conduta de servidores, em nota, afirmou que instaurou uma investigação preliminar para apurar a possibilidade de "conduta de policiais de Itatira que possa configurar abuso de autoridade".
A Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Ceará, também em nota, confirmou a registro por desacato, sem dar detalhes, e afirmou que há canais para reclamações em caso de excessos na conduta de policiais.

Fonte: Artur Rodrigues e Renato Sousa/Folha UOL

Lei eleitoral limita gestão de prefeitos candidatos

 A partir de hoje (2) prefeitos que são candidatos, estão proibidos de nomear, contratar ou de qualquer forma admitir, demitir sem justa causa, suprimir ou readaptar vantagens ou por outros meios dificultar ou impedir o exercício funcional e, ainda, ex officio, remover, transferir ou exonerar servidor público, na circunscrição do pleito, até a posse dos eleitos, em janeiro de 2017, sob pena de nulidade de pleno direito.
Vale salientar que cargos comissionados não estão livres de exoneração.
A partir de hoje a propaganda de Prefeituras está proibida na mídia.
E além de não poderem mais inaugurar, os prefeitos-candidatos não podem sequer comparecer a esses eventos.

Temer diz que não será tragado pela Lava Jato

Em entrevista às páginas amarelas, o interino Michel Temer disse que é "zero" a possibilidade de seu governo vir a ser atingido pela Lava Jato, embora ele já tenha perdido três ministros para a operação: Romero Jucá, Fabiano Silveira e Henrique Eduardo Alves; Temer disse ainda ser normal se encontrar com Eduardo Cunha, o presidente afastado da Câmara, que, ontem, foi acusado de comandar um gigantesco esquema de propinas no FI-FGTS; ele afirmou ainda que como presidente nacional do PSDB tinha conhecimento apenas de doações oficiais, que estariam sendo "criminalizadas", e que sua esposa Marcela estaria "preparadíssima" para a vida pública; entrevista ocorreu antes da prisão de Lúcio Funaro, que, numa eventual delação, pode implodir todo o PMDB

1 de julho de 2016

Ministério da Educação adia cronograma do Fies; conclusão da inscrição será no dia 15 deste mês


Fies nova Foto: Divulgação

O Ministério da Educação (MEC) adiou o cronograma do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). A conclusão da inscrição dos estudantes pré-selecionados, cujo prazo começaria nesta sexta-feira (1/7), foi adiada para o dia 15 de julho. A decisão está em edital publicado nesta sexta-feira no Diário Oficial da União (DOU).
O resultado do Fies foi divulgado na quinta-feira (30/6). Embora ainda no prazo previsto, a lista com os estudantes selecionados demorou para ser divulgada, tendo saído apenas às 22h. Até as 12h, o novo cronograma ainda não constava na página do programa. Falta ainda definir a data de convocação dos estudantes em lista de espera.
A publicação no DOU diz apenas que a conclusão da inscrição deverá ser feita a partir do dia 15, sem prazo para o término. Em nota, o MEC diz que a prorrogação se deu por conta de “ajustes necessários na fórmula de cálculo para adaptação do sistema à mudança de faixa de renda de 2,5 para 3 salários mínimos”. A pasta diz ainda que a mudança “não compromete o processo de financiamento”.
Os estudantes podem conferir na página do Fies o resultado da seleção. Ele é uma pré-seleção, e assegura apenas a expectativa de direito às vagas para as quais se inscreveram no processo seletivo do Fies. A contratação do financiamento fica condicionada à conclusão da inscrição no Sistema Informatizado do Fies (SisFies) e ao cumprimento das demais regras e procedimentos do programa.
Nesta edição serão ofertados 75 mil financiamentos. Aqueles que não forem selecionados serão automaticamente inscritos na lista de espera.
Inscrições
O Fies recebeu 294 mil inscrições, de acordo com balanço divulgado pelo MEC. O Fies oferece financiamento de cursos superiores em instituições privadas a uma taxa de juros de 6,5% ao ano. O percentual do custeio é definido de acordo com o comprometimento da renda familiar mensal bruta per capita do estudante.
Para participar da seleção, é preciso ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir de 2010, com 450 pontos na média das provas, além de ter tirado nota maior que 0 (zero) na redação. Os candidatos precisam ainda ter renda familiar bruta por pessoa de até três salários mínimos, o que equivale a R$ 2.640. Atualmente, 2,1 milhões de estudantes participam do programa.

Temer é rejeitado em todas as avaliações, revela Ibope

Numa comparação entre a maneira de governar, Dilma Rousseff figura como mais competente do que seu sucessor: 25 contra 23% segundo a pesquisa. Importante lembrar que durante os dois últimos anos, Dilma viveu sob intenso bombardeio da velha mídia, o que não ocorre com Michel Temer - o interino tem recebido apoio incondicional.

A gestão de Temer é reprovada por 53% dos eleitores. Outro dado revelador é a falta de confiança que o mandatário interino inspira aos brasileiros: 66% revelam não confiar nele.

O único indicativo em que Temer aparece melhor situado que Dilma é sobre a aprovação do governo. No auge da crise, Dilma tinha a aprovação de 10%. Temer, no primeiro mês de gestão, conseguiu 13% de aprovação. A margem de erro da pesquisa, porém, é de 5% para mais ou para menos - o que configura empate técnico.

Outros números


Meio Ambiente
Aprovam: 33%
Desaprovam: 55%
Não souberam/Não responderam: 12%

Educação
Aprovam: 30%
Desaprovam: 64%
Não souberam/Não responderam: 6%

Combate à fome e à pobreza
Aprovam: 30%
Desaprovam: 63%
Não souberam/Não responderam: 7%

Inflação
Aprovam: 29%
Desaprovam: 64%
Não souberam/não responderam: 7%

Combate ao desemprego
Aprovam: 27%
Desaprovam: 67%
Não souberam/não responderam: 6%

Segurança pública
Aprovam: 23%
Desaprovam: 72%
Não souberam/Não responderam: 5%

Saúde
Aprovam: 22%
Desaprovam: 73%
Não souberam/não responderam: 5%

Impostos
Aprovam: 17%
Desaprovam: 77%
Não souberam/não responderam: 6%

Taxa de juros
Aprovam: 16%
Desaprovam: 76%
Não souberam/Não responderam: 8%

Professora Rosineide parabeniza o projeto Solidário de Karaté por um ano de existência

 
 
 
A professora Rosineide Nascimento  manifestou ao blog a sua alegria de moradora aguanovense de ver o sucesso de atividades  promovidas pelos organizadores do "Projeto solidário de Karaté de Água Nova", que ontem (30) comemorou um ano de existência.  "Ação como esta nos enche de alegria. Queremos parabenizar a todos que direta e indiretamente contribuem com este maravilhoso projeto", disse a professora Rosineide.
 

Friboi é do PMDB? Mas não diziam que era do filho do Lula?

Da Redação
Durante anos repercutia nas redes sociais a falsa notícia de que a Friboi pertenceria ao filho de Lula, Fábio Lula da Silva. Os desmentidos, muitas vezes ignorados, resultaram em ações judiciais. Eis que nesta sexta-feira, no curso da Operação Lava-Jato, descobre-se que a JBS estava no esquema que envolve lideranças do PMDB, entre elas Eduardo Cunha. Leia aqui .

Na nova etapa da Lava-Jato, a Polícia Federal teve como alvo a empresa JBS, dona da Friboi. A operação foi autorizada pelo ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Teori Zavaski, relator da Lava Jato, e tem como base a delação do ex-vice-presidente da Caixa Fábio Cleto, aliado do deputado Eduardo Cunha. A PF cumpre mandados em São Paulo, Rio de Janeiro, Pernambuco e Brasília.

Um dos presos foi o aliado de Eduardo Cunha, Lúcio Bolonha Funaro, um corretor que negociava acordo de delação com a PGR (Procuradoria-geral da República).

Há suspeitas de que a JBS tenha pago propina, por meio de Funaro, para obter recursos do fundo de investimentos do FGTS, liberados por influência de Cleto.
O dinheiro, segundo as investigações da PF, era dividido entre Cleto, Cunha e Funaro.

O STF também autorizou busca e apreensão na casa do lobista Milton Lyra.

Também houve o cumprimento de mandato de busca e apreensão na casa do lobista Milton Lyra, conhecido como Miltinho. O homem, de 44 anos, foi citado por delatores como operador do senador Renan Calheiros no Postalis, o fundo de pensão dos servidores dos Correios. Quatro requerimentos para ouvi-lo foram apresentados na CPI dos Fundos de Pensão, mas não votados.

“Nenhuma bomba tira nossa determinação de lutar por um Brasil mais justo”

:
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou, em nota, nesta quinta (30), que os ataques contra a sede do PT em São Paulo, que ocorreram na madrugada e na tarde de hoje, lhe provocaram "uma imensa tristeza". Ainda assim, ele avisou que isto não irá tirar a sua determinação "para lutar por um Brasil mais justo para todos"; no documento, Lula chama a atenção para as "muitas cenas de intolerância e ódio" que estão ocorrendo no país e se solidariza com o presidente do partido, Rui Falcão, e com todos os funcionários e militantes; "Nenhuma bomba, pé-de-cabra ou agressão vai tirar nossa determinação de lutar por um Brasil mais justo para todos", afirmou.

30 de junho de 2016

Laranja do avião de Campos morreu envenenado

O empresário Paulo César de Barros Morato, foragido da Operação Turbulência e encontrado sem vida no dia 22 de junho em um motel em Olinda (PE), morreu por envenenamento; a causa da morte foi confirmada nesta quinta (30) pela Polícia Científica de Pernambuco; a conclusão é de exames de DNA, histopatológico e toxicológico realizados nas vísceras do empresário. Segundo a polícia, não há a como saber, por enquanto, se Morato foi envenenado por alguém ou se tomou o veneno sozinho; a substância encontrada no corpo de Morato é o organofosforado, presente na composição de um inseticida conhecido como chumbinho; nenhum representante da Secretaria de Defesa Social de Pernambuco ou da Polícia Científica deu entrevistas sobre o caso; Morato é considerado o “testa de ferro” da organização criminosa suspeita de levar dinheiro para as campanhas do ex-governador Eduardo Campos; o governador Paulo Câmara (PSB) era contra a federalização da investigação.

Janaina Paschoal é Hostilizada em Aeroporto de Brasilia


Requião: grupo contra impeachment acolheu três novos senadores

Foto: Moreira Mariz/Agência Senado: Plenário do Senado durante Sessão deliberativa ordinária.

Em discurso, senador Roberto Requião (PMDB-PR)

Foto: Moreira Mariz/Agência Senado
O senador Roberto Requião (PMDB-PR), reuniu, em Brasília, um grupo de 30 senadores contra o impeachment da presidente Dilma; o peemedebista citou o escritor e poeta curitibano Paulo Leminski para resumir o resultado do encontro: “distraídos venceremos!”; “Reunimos ontem em jantar senadores éticos indignados com o que acontece. Como diria Leminski: distraídos venceremos!”, postou no Twitter; o parlamentar não quis nominar os presentes, mas assegurou que o grupo acolheu três novos senadores.

Fonte: 247

Hoje Polônia X Portugal se enfrentam abrindo as quartas de final da Euro

 Cristiano Ronaldo e Lewandowski travam embate por vaga na semi da Eurocopa (Fotos: Francisco Leong & Loic Venance/ AFP)

Polônia e Portugal se enfrentam nesta quinta-feira, às 16h (de Brasília), no Estádio Vélodrome, em Marselha, pelo jogo de abertura das quartas de final da Eurocopa. Os portugueses venceram a Croácia por 1 a 0 nas oitavas, em partida decidida na prorrogação. Já os poloneses despacharam a Suíça nos pênaltis, após empate por 1 a 1 no tempo normal e na prorrogação. Quem avançar deste encontro vai duelar nas semifinais com o vitorioso do choque entre País de Gales e Bélgica, que se enfrentam neste sexta-feira.

Mudanças na Lei Maria da Penha ameaçam proteção às mulheres

Tramita no Congresso Nacional uma proposta de alteração da Lei Maria da Penha que, na opinião de Eleonora Menicucci, ministra da Secretaria de Políticas para Mulheres do governo Dilma Rousseff, é um retrocesso, pois pode significar numa diminuição da proteção às mulheres.
De autoria do deputado federal Sérgio Vidigal (PDT/ES), o PLC 7/2016 tem como relator o senador Aloysio Nunes (PSDB-SP). O projeto aprovado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) nesta quarta-feira (29) prevê, entre outras mudanças, que a autoridade policial tenha poder para determinar medidas protetivas às mulheres vítimas de violência, antes mesmo de autorização judicial.
“Eu não sou contra alterações. Não acho que as leis são estáticas. Acredito que elas devem ser melhoradas, mas isso não é melhoria”, afirmou a ministra.
Para Menicucci, um dos retrocessos está no fato do projeto não ter sido debatido com a sociedade.
“As mulheres, objeto da violência e sujeito do enfrentamento, têm necessariamente de serem ouvidas. E o movimento não foi ouvido, as mulheres não foram ouvidas. Então é um retrocesso, pois está tirando as mulheres do lugar de sujeitos de definir o que é melhor para elas”, destacou.
Eleonora-Menicucci-Foto-LulaMarquesAgênciaPT
A ministra do governo Dilma lembrou, ainda, que a Lei Maria da Penha é fruto de um amplo debate na sociedade, que contou com a participação de ONGs, feministas, especialistas, juízes, delegadas. “Ela levou dois anos para ser construída e formulada”, acrescentou.
Além de não ouvir as mulheres, o relator tucano quer votar as alterações em caráter de urgência. Na avaliação de Menicucci, isso faz parte da agenda maior dos golpistas.
“Isso é porque esse Ministro da Justiça, que acabou com a Secretaria de Políticas para Mulheres e colocou-a como um puxadinho do Ministério da Justiça, quer legitimar a construção de um departamento de violência contra as mulheres dentro da Polícia Federal. Isso para mim está articulado”, afirmou.
Por isso, segundo Menicucci, aceitar essas alterações sem diálogo é aceitar e legitimar um governo golpista.
“É uma medida que vai contra toda nossa proposta do programa Mulher Viver Sem Violência, que é a implementação da Lei Maria da Penha”, completou.
Ameaça à proteção de mulheres vítimas de violência
Segundo a senadora e procuradora da Mulher do Senado, Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM), há uma preocupação das mulheres de que, com a proposta de alteração, as ações de proteção piorem, ao invés de melhorar.
“Parece até um contrassenso, mas é verdade. Porque a maior parte dos problemas hoje se encontra exatamente nas delegacias, onde as mulheres vão fazer uma reclamação e muitas vezes nem o Boletim de Ocorrência é feito. E quando é feito, a mulher é convocada para em outra oportunidade prestar depoimento, quando é algo que tem que ser feito na hora”, explicou em entrevista à Rádio Senado.
Eleonora Menicucci concorda com a parlamentar do PCdoB. De acordo com a ministra, dar mais poder à autoridade policial não colabora com o enfrentamento a esse tipo de violência, até porque as delegacias não estão dando conta nem das atuais atribuições.
“As delegacias especiais da mulher não estão funcionando 24 horas por dia, nem funcionando nos feriados. Elas funcionam de 8h da manhã às 18h, ou seja, horário de experiente. Mas a violência e o estupro não acontecem apenas em horário de expediente”.
Atribuições dos governos estaduais, as delegacias estão mal equipadas, “de profissionais, de infraestrutura, de viaturas, não são interdisciplinares, não têm psicólogo, assistente social, advogado”.
“Isso porque os governos estaduais não dão importância às delegacias e não colocam recurso. Vide a de São Paulo. Eu sou uma das fundadoras da delegacia da Mulher de São Paulo, quando estava na sociedade civil. A delegacia era um primor. Agora, ela tem uma delegada e não funciona além das 17h”, contou.
Já a senadora enfatizou outro problema com essa possível alteração da Lei Maria da Penha. “O perigo é de se dar o poder exagerado à polícia e reforçar o caráter truculento e policialesco do Estado brasileiro”.
Senadora e procuradora da Mulher do Senado, Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) Foto: Lula Marques/Agência PT
Senadora e procuradora da Mulher do Senado, Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM)
Foto: Lula Marques/Agência PT
Vanessa afirmou que sugeriu uma Audiência Pública e defendeu o adiamento da votação do projeto no Senado, para que se possa debater com todos os segmentos de mulheres e dos órgãos envolvidos nessa questão.

"Vaquinha" para viagens de Dilma arrecada R$ 66 mil em 4 hs

 
Duas amigas da presidente afastada Dilma Rousseff da época da ditadura militar iniciaram ontem (29) uma campanha virtual para arrecadar dinheiro para custear as despesas com os deslocamentos da petista pelo país em aeronaves da Força Aérea Brasileira (FAB).
No início de junho, o presidente interino, Michel Temer, limitou o uso de aviões da FAB por Dilma apenas para deslocamentos de Brasília a Porto Alegre (RS), onde mora a família da presidenta afastada. Esta semana, no entanto, a Justiça Federal do Rio Grande do Sul autorizou Dilma a usar as aeronaves da FAB em viagens pelo país, desde que os custos sejam ressarcidos por ela ou pelo PT. Idealizada por Guiomar Silva Lopes e Maria Celeste Martins, contrárias ao impeachment, a "vaquinha virtual" foi batizada de "Jornada pela Democracia - Todos por Dilma", e tem como objetivo arrecadar R$ 500 mil até agosto. Em quarto horas de campanha, 746 pessoas já haviam feito doações e o total arrecadado chegou a mais de R$ 66 mil.

Governo confirma antecipação do 13º para servidores da educação

FD/Economia
O Governo do Estado começa a pagar o funcionalismo a partir da próxima terça-feira (5). Os servidores da Saúde e Educação terão o pagamento creditado na conta dia 5 de julho. Na quarta-feira (6) será a vez dos servidores da área de Segurança Pública. Os demais funcionários da Administração Direta e da Administração Indireta que dependem dos recursos do tesouro estadual receberão o pagamento na quinta-feira (7).
Os aposentados receberão os vencimentos em duas datas: os inativos da Saúde, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e da Administração Indireta terão o pagamento depositado na sexta-feira (8). Já os demais inativos da Administração Direta receberão no sábado (9), quando será encerrado o calendário de pagamento para os servidores. Dia 12, os pensionistas terão os pagamentos creditados em conta.
O governo anunciou também que vai adiantar 40% do 13º salário da Educação, por possuir recursos vinculados ao Fundeb, além dos órgãos que detém receitas próprias.

Fonte: nominuto.com

29 de junho de 2016

Cunha e Temer escolhem Rosso para a Câmara

:
O deputado afastado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e o interino Michel Temer definiram, no encontro secreto do último domingo, que o deputado Rogério Rosso (PSD-DF) será o candidato do Palácio do Planalto à presidência da Câmara dos Deputados; Cunha e Temer, que são "sócios" no impeachment da presidente Dilma Rousseff, querem colocar um aliado no comando do Legislativo; assim, Cunha renunciaria à presidência da Câmara e tentaria preservar seu mandato; caso o acordão prospere e Cunha consiga se salvar, seria evitada uma delação premiada que implodiria o PMDB e o próprio governo interino de Temer; falta, no entanto, combinar com a Justiça Federal do Paraná, onde a filha e a esposa de Cunha respondem a processo, e com o STF, que transformou o deputado novamente em réu por 11 votos a zero na semana passada.

A ex Miss Brasil Fabiane Niclotti foi encontrada morta

 
A Miss Brasil 2004, Fabiane Niclotti, foi encontrada morta, na noite desta terça-feira (28), por volta das 22h30min, no apartamento em que residia no bairro Bela Vista, em Gramado, na serra gaúcha.
Sem conseguir contato, um irmão de Fabiane acionou a Brigada Militar, que foi até o imóvel. Os policiais localizaram o corpo de bruços, sem sinais vitais.
O corpo não tinha aparentemente qualquer marca de violência. O Instituto Geral de Perícias (IGP) foi acionado para apurar as circunstâncias da morte. Fabiane não tinha qualquer problema de saúde e era uma pessoa de bem com a vida.



   
 postada por ela mesmo em seu perfil no Facebook na última sexta-feira (24). A foto é atual e ela aparece estar muito bem, sempre com o seu sorriso espontâneo e cativante.
Natural de Gramado, Fabiane tinha 31 anos, foi eleita miss Brasil em 15 de abril de 2004.
Além de linda, a miss Brasil 2004 era uma pessoa antenada, inteligente, preocupada com problemas sociais e que irradiava simpatia.
Foi, sem dúvida, uma miss Brasil que marcou época.

Gaspari aponta: Dilma é vítima de um golpe

O jornalista Elio Gaspari, um dos mais influentes colunistas da imprensa brasileira, finalmente reconheceu que a presidente Dilma Rousseff está sendo afastada por meio de um golpe; Gaspari se referiu às declarações da senadora Rose de Freitas (PMDB-ES), líder do governo interino que confessou que as "pedaladas" eram mero pretexto para o impeachment, e à tentativa da comissão do impeachment de impedir a perícia do Senado; "Se uma coisa tem o nome de julgamento, ela precisa guardar alguma semelhança com um julgamento, mesmo que a decisão venha a ser política", diz ele; "Dilma Rousseff é ré num processo que respeita regras legais, mas se a convicção prévia dos senadores já está definida na 'tese' da líder do governo, o que rola em Brasília não é um julgamento

28 de junho de 2016

Ciro Gomes critica a imprensa por tolerar a ficha-suja de Michel Temer e diz mais: ‘Tenho documentos da roubalheira. Vamos partir pra cima’

 

o ex-ministro e ex-governador do Ceará Ciro Gomes afirma ter cópias de documentos que apontam para a “roubalheira” envolvendo autoridades, entre elas o vice-presidente em exercício, Michel Temer, e negócios na Companhia Docas, no porto de Santos. “Eu vou partir pra cima. Vou tirar a máscara dele”, diz. “Cadê a imprensa brasileira? O cara que está na presidência do Brasil, um informante de órgãos de inteligência de uma potência estrangeira...”
Ciro avalia que os setores do Judiciário que trabalham com o objetivo de prender o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não serão bem-sucedidos por uma razão muito simples: “Ele não tem culpa”. Sobre a hipótese de se forjarem fatos que abram essa possibilidade, Ciro defende a formação de um grupo que “sequestre” o ex-presidente e impeça uma arbitrariedade contra ele. “Nós estamos à margem da lei diante de uma circunstância de golpe”, diz. A TVT sintoniza no canal digital 8.1 em São Paulo e pode ser vista ao vivo via internet, na página da emissora ou aqui na RBA.

Testemunha de defesa de Dilma nega operação de crédito e defende Plano Safra

 
ex-secretaria-executiva do Ministério do Desenvolvimento Agrário e ex-presidente da Caixa Econômica Federal Maria Fernanda Ramos Coelho negou hoje (28), na Comissão Processante do Impeachment no Senado, que tenha havido operações de crédito com bancos públicos no âmbito do Plano Safra.

Maria Fernanda defendeu a atuação do Plano Safra no financiamento a agricultores familiares e ressaltou o que chamou de desmonte dessa política pelo governo do presidente da República interino, Michel Temer. “Estamos vivendo no âmbito do Plano Safra, da agricultura familiar, uma situação de desmonte, porque, até agora, não foi emitida a portaria para que os agricultores tenham acesso às subvenções.” O governo anunciou, no dia 3 de maio, R$ 30 bilhões em recursos para o Plano Safra da Agricultura Familiar, mas, até o momento, ainda não foi editada a nova portaria para regulamentar o pagamento das equalizações de juros aos bancos.

Requião: impeachment encomendado por R$ 45 mil tinha que ser muito ruim

Senador Roberto Requião (PMDB) detona o pedido de impeachment contra Dilma Rousseff feito pela advogada Janaina Paschoal: “Um impeachment encomendado a Janaina por R$ 45 mil tinha mesmo que ser muito ruim. Mal feito e mal pago”, postou ele no Twitter; a jurista admitiu ter recebido a soma do PSDB para, junto com Miguel Reale Júnior, elaborar um parecer sobre o afastamento da presidente; um laudo assinado por três técnicos do Senado e entregue nesta segunda-feira à comissão do impeachment, a pedido da defesa da presidente, rebate denúncia de que ela praticou "pedalada fiscal”; “É preciso entender que não se trata de questão jurídica, mas de rejeição econômica, política e pessoal. Simples assim!”, acrescentou Requião.

brasil247

Frase do dia

Trecho da carta aberta de Paulo Nogueira a Romário

 
Caro Romário: você simboliza uma política putrefata. Será lembrado pela posteridade como um grande jogador — como poucos — e um político desprezível, como tantos que atormentam os brasileiros e impedem que nos transformemos numa sociedade avançada.

Noite violenta tem um morto e quatro baleados na cidade de Caraúbas


Quatro pessoas foram baleadas e uma morta na noite desta segunda-feira (27), em Caraúbas, na região oeste do estado do Rio Grande do Norte, após tiros terem sido disparados contra o dono do PUMA e seus funcionários.

As vítimas estavam sentadas nas calçadas de suas residências, no Conjunto Nestor Fernandes, nas proximidades da Escola Estadual Lourenço Gurgel de Oliveira, por volta das 19h, quando dois atiradores chegaram em uma moto e efetuaram diversos tiros de pistola e de 12 contra as vítimas.

Cinco pessoas foram baleadas, três que estava na calçada do PUMA e mais duas pessoas da casa vizinha. As cinco foram socorridas para o Hospital Regional Dr. Aguinaldo Pereira da Silva. Uma das vítimas, o dono do PUMA, identificada como Francisco Trajano de Souza, 45 anos, foi baleado com três tiros no peito, um na barriga e outro na perna, não resistiu e morreu.

Outro identificado como Mateus Rodrigues dos Santos, 16 anos, natural da Paraíba, com um tiro na cabeça e outros pelo corpo, foi encaminhado para o Hospital Tarcísio Maia, em Mossoró e saiu inconsciente e o seu estado é gravíssimo. Outro paraibano que estava na casa do dono do PUMA, foi João Ferreira da Silva, 16 anos, conhecido como “Juizinho”, sofreu um tiro na perna e não corre risco de morte.
Mais dois que estava na casa vizinha a do dono do PUMA foram baleados, que são: o cantor Assis Biênio, 50 anos, deu entrada no Hospital com um tiro no braço e estar bem. A outra foi sua filha, Fernanda Maria Maia, 25 anos, foi baleada com um tiro no pé e também passa bem.
A polícia militar realizou busca pela região e até o momento os atiradores não foram localizados. O caso será investigado pela Delegacia de Polícia Civil de Caraúbas, que tem a frente o Delegado Erick Gomes.




27 de junho de 2016

Janot pede virada histórica e nova representação política


No mais político discurso de sua carreira, o procurador-geral Rodrigo Janot bradou contra praticamente toda a elite política brasileira, nesta segunda-feira (27), durante a abertura de um seminário que vai discutir os grandes casos criminais do Brasil e da Itália; ele disse que movimentações de políticos tentam frear as investigações da Lava Jato e afirmou que o Ministério Público "não se sujeitará à condescendência criminosa" em favor de uma" pseudo estabilidade destinada a poucos"; para Janot, a operação revelou que políticos e empresários transformaram "o Estado em um clube para desfrute de poucos"; "Chegou a hora de quebrarmos também os grilhões do patrimonialismo, de nos libertarmos de um modo de ser que não nos pertence, daquele malfadado jeitinho associado à corrupção da lei que não traduz nossa verdadeira natureza. É hora de nos desvencilharmos da cultura de espoliação e do egoísmo. O país fartou-se desse modelo político", disse.

brasil247

GOLPISTAS TREMEM: Ciro Gomes irá realizar defesa de Dilma no senado


A defesa da presidente afastada Dilma Rousseff encaminhou ao presidente da comissão de impeachment, Raimundo Lira (PMDB-PB), 32 indicações de testemunhas a serem ouvidas pelo colegiado.
Entre eles, está Ciro Gomes, ex-ministro da Fazenda no governo Itamar Franco e virtual candidato à presidência da República em 2018 também aparece na lista. Luiz Carlos Bresser Pereira, ex-ministro da Fazenda de José Sarney e das pastas da Reforma do Estado e da Ciência e Tecnologia na gestão de Fernando Henrique Cardoso. Luiz Gonzaga Belluzzo, professor da Unicamp e que atuava como uma espécie de conselheiro do governo, também foi indicado.
 
Fonte: clickpolitica

RN NA PONTA DO ICEBERG DOS CONSIGNADOS?


Recentemente, aqui no Rio Grande do Norte, assistimos o Tribunal de Contas do Estado (TCE/RN) suspender a contratação, por parte da Secretaria Estadual de Administração e Recursos Humanos, da empresa VTI Serviços, Comércio e Projetos de Modernização e Gestão Corporativa LTDA, que venceu pregão com valor orçado em R$ 57 milhões por ano para estruturar um centro de desenvolvimento e sustentação de softwares para os órgãos da Administração Direta do Estado do Rio Grande do Norte.
Os técnicos do TCE identificaram exigências no processo de licitação que são restritivas à competitividade. Além disso, a opção da Secretaria Estadual de Administração foi por licitar os três itens em um lote único, ao invés de proceder com o parcelamento do objeto da contratação.
Na época, esta Tribuna do Norte encontrou ligações do então titular da pasta da Administração, Marcelo Marcony, com a empresa VTI.
O fato culminou com a exoneração de Marcelo Marcony do Governo Robinson.
Detalhe: Enquanto em Brasília o fato culminou com a com a prisão do ex-ministro Paulo Bernardo, aqui no Rio Grande do Norte a questão parece que terminou na na demissão do ex-secretário de administração.

Fonte: Heitor Gregório/rnpolitica/jornalatromba
Foto: Radar On Line

Lava à Jato: Aníbal Gomes e Renan Calheiros citados em mais um processo

Perícia do Senado diz que Dilma não pedalou


Laudo assinado por três técnicos do Senado Federal e entregue nesta segunda-feira 27 à comissão do impeachment, a pedido da defesa da presidente Dilma Rousseff, rebate denúncia de que ela praticou "pedalada fiscal" com o atraso do repasse de R$ 3,5 bilhões do Tesouro ao Banco do Brasil para o Plano Safra; "Pela análise dos dados, dos documentos e das informações relativos ao Plano Safra, não foi identificado ato comissivo da Exma. Sra. Presidente da República que tenha contribuído direta ou imediatamente para que ocorressem os atrasos nos pagamentos"; documento também aponta que a presidente agiu para liberar créditos suplementares sem o aval do Congresso através de decretos, e que três dos quatro decretos de crédito que são alvos da denúncia eram "incompatíveis" .com a meta fiscal.

brasil247

Reforma de Temer prevê aposentadoria aos 70

De acordo com a proposta de reforma da Previdência a ser enviada ao Congresso pelo governo interino de Michel Temer, a partir da aprovação do texto, a idade mínima para aposentadoria passaria a 65 anos, e uma segunda faixa, de 70 anos, seria aplicada daqui a 20 anos para uma futura geração; hoje, a idade média das pessoas se aposentarem é de 54 anos; centrais sindicais resistem à mudança; querem a manutenção da regra 85/95 (soma entre idade e tempo de contribuição para mulheres e homens, respectivamente) e pedem, em vez de mudanças estruturais no sistema, que o governo faça uma fiscalização rigorosa nos gastos com os recursos previdenciários; “Queremos que o governo abra a caixa-preta da Previdência. O trabalhador não é o responsável pelo déficit que existe no sistema”, disse ontem o vice-presidente da Força Sindical, Miguel Torres.

O Chile É Campeão da Copa América

 
Chile se sagrou campeão da Copa América neste domingo pela segunda vez consecutiva e na história, ao vencer a Argentina nos pênaltis por 4 a 2, após 120 minutos de igualdade sem gols no Metlife Stadium, em East Rutherford, nos Estados Unidos.

Esta é a última semana para trabalhadores sacarem o PIS

  Resultado de imagem para Esta é a última semana para trabalhadores sacar o pis
Esta é a última semana para trabalhadores sacarem os R$ 880 de abono do PIS/Pasep de 2015. O prazo termina na quinta-feira (30).
O abono do PIS/Pasep é um benefício pago a trabalhadores que receberam, em média, até dois salários mínimos por mês em 2014. O valor a receber é de um salário mínimo. "O abono salarial é um 14º salário direcionado ao trabalhador de baixa renda", afirma o ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira.
Para ter o direito, é preciso estar cadastrado no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e ter trabalhado por pelo menos 30 dias em 2014. Além disso, o patrão tem que ter informado os dados do trabalhador corretamente na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS), do Ministério do Trabalho.
De acordo com o Ministério do Trabalho, 23,6 milhões de trabalhadores têm direito a receber o abono. Segundo levantamento divulgado na semana passada, pelo menos 1,6 milhão de pessoas ainda não pegaram o dinheiro a que têm direito. Até aquele momento, 22 milhões de pessoas já tinham sacado seu dinheiro.
O valor sacado somava R$ 18,3 bilhões, segundo o Ministério. Os valores que não são sacados até o final do prazo voltam para o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT).
O PIS (Programa de Integração Social) é para trabalhadores de empresas privadas e deve ser sacado na Caixa, enquanto o Pasep (Patrimônio do Servidor Público) é para servidores públicos, e deve ser sacado no Banco do Brasil.
Como sacar o PIS/Pasep
Antes de sacar o PIS, o trabalhador deverá verificar se o benefício não foi depositado diretamente na conta. Caso contrário, deve comparecer com o Cartão do Cidadão e senha cadastrada nos caixas eletrônicos da Caixa ou em uma casa lotérica. Se não tiver o Cartão do Cidadão, o trabalhador pode receber o abono em qualquer agência da Caixa, 
apresentando um documento de identificação.
Os participantes do Pasep (Banco do Brasil), após verificar se houve depósito na conta, devem procurar uma agência e apresentar um documento de identificação.
As informações sobre o direito ao saque também podem ser obtidas pela Central de Atendimento Alô Trabalho – 158; pelo 0800-7260207, da Caixa; e pelo 0800-7290001, do Banco do Brasil.

Fonte: UOL/rnpolitica/jornalatromba

26 de junho de 2016

O povo brasileiro precisa retomar com suas mãos a democracia, diz o ator Danny Glover

Não duvide: questão social enfraquece Europa

"Ao votar pela saída da União Europeia, eleitores ingleses seguiram uma trilha que guarda muitas semelhanças com o caminho do eleitorado grego, que em julho de 2015 disse Não aos programas de austeridade da União Europeia", compara Paulo Moreira Leite, sobre o Brexit; segundo ele, a votação foi resolvida nas regiões mais pobres, pelo voto de eleitores com menor escolaridade formal e cidadãos mais velhos, que mais necessitam dos serviços de bem-estar social, questões que estão na ordem do dia em outros países, devendo ser enfrentadas em breve; "Caso contrário, outros plebiscitos virão," escreve PML.

Brexit: entenda o significado do referendo que decidiu retirar o Reino Unido da União Europeia

O Reino Unido decidiu em referendo, por mais de 1,2 milhão de votos de diferença, deixar a União Europeia (UE). O resultado da consulta foi divulgado na madrugada desta sexta-feira (24). O primeiro-ministro britânico, David Cameron, que defendia a permanência no bloco, anunciou que deixará o cargo em outubro. Mas o que muda a partir de agora? Para entender o novo cenário e os reflexos da decisão no bloco e no resto do mundo, o Portal EBC conversou com o professor Creomar Souza Lima, assessor de Relações Internacionais e professor da Universidade Católica de Brasília (UCB). Confira: 

O que é Brexit?

Quem perde: Reino Unido ou União Europeia?

“Perdem todos. Simbolicamente, a saída do Reino Unido alimenta uma série de forças anti-integração em todo o continente. Perde o Reino Unido em âmbito concreto - ao suprimir a possibilidade de mais laços econômicos e de integração -; e do ponto de vista simbólico perdem todos porque é afastado o diálogo de que “todos são europeus”.

Quais são os próximos passos?

A saída de um país de um bloco econômico não é uma questão simples e pode demorar anos para se concretizar. O que se deve observar em um futuro próximo é a chegada de um novo governo que deve estruturar esse processo. “Há análises que dizem que esse processo pode durar de seis meses a um ano. Outras falam em até dois anos. O que sabemos efetivamente é que se tornou uma decisão e ela terá de ser cumprida. A saida será encaminhada. A questão é como isso será feito”, aponta.  


A coesão do Reino Unido está ameaçada?

A Escócia, há dois anos, decidiu em um referendo por não se tornar independente do Reino Unido. Com o resultado atual, já avalia a possibilidade de fazer uma nova consulta para poder se reintegrar à União Europeia. “A Europa não conseguiu de maneira profunda entrar nos corações e mentes dos cidadãos do Reino Unido", afirma. O referendo, na opinião do professor, também representa uma “irresponsabilidade eleitoral”, já que foi promessa de campanha do primeiro-ministro David Cameron realizar um referendo para dar aos britânicos o direito de dedicidirem se queriam ou não sair do bloco.
“O desafio do próximo primeiro-ministro é salvar o Reino Unido e convencer a população desses países participantes de que vale apostar no Reino Unido e não na União Europeia”. O professor destaca ainda que o movimento nacionalista e separatista presente em diversos países do Reino Unido pode ganhar força com a decisão, lembrando que a Escócia e a Irlanda votaram pela permanência no bloco.  O Brexit deu “nova vida ao discurso dos grupos nacionalistas dentro do Reino Unido”, diz. 


Impactos econômicos

De acordo com o professor, a saída do bloco afeta de forma fundamental e economia do Reino Unido porque uma série de benefícios comerciais do bloco serão revistos.  Mas ainda é cedo para traçar uma previsão. “Resta saber se a União Europeia vai querer negociar essas questões em separado e, ainda, como as autoridade do Reino Unido vão organizar uma ofensiva comercial para conquistar novos mercados”, ressalta.
A libra esterlina, moeda do Reino Unido, despencou e atingiu o menor valor frente ao dólar em 31 anos logo após a divulgação do resultado do referendo. Para o professor, a possibilidade de revalorização da moeda está diretamente vinculada à capacidade do novo governo em dizer e construir ações políticas que demosntrem que a situação vai melhorar. 
Reino Unido decide sair da União Europeia
Copyleft - Reino Unido decidiu sair da União Europeia. Londres, a capital, foi uma das localidades que votaram pela permanência no bloco. 
Foto: Daniel Chapma - Flickr


Como a decisão afeta a relação com o Brasil

Segundo o professor, ainda é cedo para estabelecer um prospecto. “Em alguns sentidos, toda a classe política europeia está em choque; e do lado de cá há uma necessidade de compreender o que essa votação representa para a própria ideia de blocos regionais”, afirma. Ele lembra que o Mercosul já é alvo de críticas duras de vários setores da sociedade brasileira e, “em âmbito imagético”, se espelhava na ideia de comunidade que foi construída na Europa, agora colocada em xeque.  
“A política externa brasileira vai ter que lidar com dois elementos: uma política que seja direcionada para a comuidade europeia e, por outro lado, entender esse novo posicionamento do Reino Unido nas relações internacionais”, explica.

A decisão representa uma vitória do conservadorismo?

“Mais do que conservadorismo, uma vez que em algum sentido David Cameron era representante de um tipo de conservadorismo. É uma vitoria que está além disso, muito vinculada ao movimento de nacionalismo e de valores tradicionais, um discurso anti-migração”, opina o professor.  

Como a decisão do Reino Unido influencia outros países a permancerem (ou não) no bloco? 

Os grupos políticos nacionalistas de outros países da Europa devem ganhar mais espaço para o seu discurso após a decisão do Reino Unido. “Eles vão começar a bradar em vários países europeus: os britânicos fizeram [saíram da UE] e, se eles saíram, tem algo errado. Isso vai pipocar na Europa”, diz Lima. Ele explica que o discurso de ódio nacionalista está muito calcado na ideia de que há “uma relativa pureza de valores e que o cidadão está ameçado por um elemento que é externo”. Esse discurso “colou” especialmente em eleitores britânicos de zonas menos populosas pela percepção de que havia uma  “tomada de empregos”.  Não é possível avaliar, entretanto, se as populações de outros países vão “comprar” esses discursos. Vai depender se autoridades que defendem a União Europeia vão conseguir combater esse discurso”. 

O que é Brexit? 

O termo Brexit é a união das palavras Britain (Grã-Bretanha) e Exit (saída, em inglês). O que estava em discussão no Reino Unido era a permanência ou não como membro da União Europeia (UE). As nações do Reino Unido são a Inglaterra, a Irlanda do Norte, a Escócia e o País de Gales.
Com 52% dos votos a favor, o Reino Unido deixa a União Europeia após 43 anos de participação, segundo resultado do referendo realizado nesta quinta-feira (23). O primeiro-ministro David Cameron afirmou que a saída do país do bloco pode trazer graves consequências econômicas para o Reino Unido. Ele anunciou que renunciará até outubro.O Reino Unido é o primeiro país a sair da União Europeia.

Comunicamos que estamos em manutenção

  Estamos melhorando a roupagem do Blog !  Em breve estaremos de volta . Agradecemos   compreensão !